Produtores de soja se retraem das vendas e preços sobem

Produtores de soja se retraem das vendas e preços sobem

PARTILHAR

Produtores de soja consultados pelo Cepea se retraíram das vendas de grandes lotes, cenário que resultou em altas nos preços.

Esse cenário se deve à firme demanda, por causa do aquecimento das exportações, e à baixa oferta do grão, ocasionada pelo ritmo lento na colheita brasileira. Entre 23 de fevereiro e 2 de março, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa da soja Paranaguá (PR) subiu 4,33%, a R$ 80,06/saca de 60 kg no dia 2.

No mesmo comparativo, o Indicador CEPEA/ESALQ Paraná registrou alta de 3,3%, a R$ 73,5/sc de 60 kg na sexta-feira. Na média de fevereiro, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa da soja Paranaguá (PR) subiu 4% frente ao mês anterior, e o Indicador CEPEA/ESALQ Paraná, 3%.

Fonte: Cepea

-- conteúdo relacionado --

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com