Programa capacita gratuitamente produtores pelo Brasil

PARTILHAR
Pivot-oferece-capacitacao-gratuita-para-produtores-rurais-b
Foto: Divulgação

Programa “Pivot em Campo” têm o objetivo de certificar eficiência do maquinário e orientar sobre manutenção, operação e boas práticas no plantio, colheita e pulverização

Nunca o agronegócio brasileiro, cujo faturamento quase triplicou em duas décadas, foi tão pop no mundo. Segundo dados do Ministério da Agricultura a Safra de Grãos 2021/2022 baterá um novo recorde, com o acréscimo de 35,87 milhões de toneladas em relação ao volume obtido no ciclo anterior. Um aumento de 14,2% que elevará a produção nacional a 288,61 milhões de toneladas.

Produtores brasileiros são unânimes em dizer que grande parte desse sucesso do agronegócio brasileiro se deve ao enorme avanço tecnológico que o setor registrou nos últimos anos. Uma fazenda bem equipada é sim hoje sinônimo de alta produtividade, porém, se o produtor não estiver atento à devida manutenção de seu maquinário agrícola, esse ganho pode virar perda de produção.

De acordo com José Henrique Castro Gross, gerente corporativo de agricultura de precisão da Pivot Máquinas Agrícolas e Sistemas de Irrigação, empresa líder nacional na venda e em serviços de manutenção para maquinário agrícola e irrigação por pivô, quando equipamentos como tratores e colheitadeiras não estão devidamente regulados ou são mal operados pode se ter perdas produtividade que varia de 4% a 6%, na fase de colheita; e que podem chegar até 10% no momento do plantio.

Para evitar perdas como essas, a Pivot, que é concessionária oficial da CASE IH, líder mundial na fabricação de máquinas agrícolas, mantém há cerca de um ano o Programa Pivot em Campo, que acompanha os produtores diretamente na propriedade, durante os momentos de plantio, colheita e pulverização, levando conhecimento e soluções ao campo.

“Esse trabalho é totalmente gratuito e realizado de forma individual por meio do nosso time de multiplicadores técnicos, certificados pela CNH Industrial, líder mundial no desenvolvimento e fabricação de veículos pesados. Então o que fazemos essencialmente é acompanhar essa máquina ou máquinas adquiridas pelo produtor para garantir se o equipamento está entregando o resultado previsto”, explica José Henrique, ao informar que até o fim deste ano o programa atenderá 126 proprietários rurais e treinar mais de 200 pessoas.

case brasil - Axial-Flow Série 150
Foto: Divulgação

O gerente da Pivot afirma que a alta tecnologia agregada às modernas máquinas agrícolas são as grandes responsáveis pela alta eficiência do agronegócio brasileiro, porém, em situações onde não são feitos os ajustes e a manutenção necessários, bem como quando não há a devida capacitação dos operadores, a eficiência e a produtividade dos equipamentos podem ser comprometidas. “Esse trabalho que fazemos [Pivot em Campo] engloba ações como: verificação da configuração da máquina, acompanhamento dos equipamentos em funcionamento, supervisão da qualidade de colheita, plantio e pulverização; orientação de boas práticas de colheita, análise dos mapas de consumo e trabalho, elaboração de mapas de trabalho de colheita, plantio e aplicação e ainda esclarecimento de dúvidas operacionais”, enumera José Henrique, acrescentando que o Programa Pivot em Campo é oferecido em oito de suas dez lojas, em Unaí e Paracatu, ambas e Minas Gerais; em Goiás, nas cidades de Goiânia, Catalão, Uruaçu, Formosa e Cristalina.

Conforme o gerente corporativo de agricultura de precisão da Pivot, a receptividade do Programa entres os produtores rurais atendidos tem sim muito boa. “O produtor gosta da iniciativa, pois chegamos num momento em que, apesar dele não estar nos esperando, é bom. Porque com essas visitas em campo fazemos um trabalho preventivo, porque quase sempre quando o cliente solicita a visita de um técnico, é quando a máquina está quebrada e aí é prejuízo. Por isso resolvemos fazer esse acompanhamento técnico justamente nesses momentos da colheita e do plantio, porque é quando as máquinas estão em funcionamento que conseguimos acompanhar e certificar a eficiência entregue, e passar todas as orientações técnicas que resultarão numa maior produtividade dessa máquinas e redução de custos de manutenção ao longo do tempo”, destaca José Henrique.

Produtor de milho e soja na cidade goiana de Cristalina, o agropecuarista Bruno Gilioli, possui dois equipamentos CASE IH: um Trator Steiger 450 (2016) e uma Colheitadeira 9250 (2020). Apesar da alta confiabilidade que tem nos maquinários da marca, o produtor reconhece ser de suma importância esse trabalho de acompanhamento in loco, por meio do Programa Pivot em Campo.

“Esse trabalho feito pela Pivot ajuda muito. Principalmente em relação a capacitação dos operadores, o que nos auxilia a resolver diversos problemas que enfrentamos no dia a dia. Avalio como essencial para o nosso sucesso e da própria Pivot, essa comunicação e contato instantâneo que se tem entre cliente e a empresa”, destaca o agropecuarista.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.