Proibida a venda de herbicida à base de glifosato, na França

Proibida a venda de herbicida à base de glifosato, na França

PARTILHAR
herbicida_1
(Foto: Thinkstock)

Decisão reverteu a autorização de comercialização do produto glifosato no país por “precaução”, medida que não foi aceita pelas empresas.

Um tribunal administrativo francês proibiu a comercialização do herbicida Roundup 360, da Bayer, no país. O agroquímico, que é à base de glifosato, é produzido pela Monsanto, adquirida pela Bayer no ano passado.

A decisão foi tomada por um tribunal administrativo de Lyon, na manhã desta terça-feira (15/01), que reverteu a autorização de venda do produto no país por “motivos de precaução”.

O tribunal relatou que estudos científicos e pesquisas em animais sugerem que o glifosato pode ser cancerígeno para humanos e prejudicial para a reprodução da vida humana e aquática, apesar da aprovação do bloco europeu do ativo químico.

A liberação para a comercialização do agroquímico foi inicialmente concedida pela Agência de Alimentos, Meio Ambiente e Saúde e Segurança no Trabalho da França (Anses), em 2017.

Desde que completou a aquisição da Monsanto, a Bayer enfrenta uma série de litígios judiciais envolvendo o herbicida. A Bayer e a Anses não comentaram o caso até o momento. A decisão judicial permite recursos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Fonte: Estadão Conteúdo

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com