Ritmo de negócios segue lento e preços, em queda

Ritmo de negócios segue lento e preços, em queda

PARTILHAR

As cotações de milho no mercado interno seguem em queda, devido ao avanço da colheita, segundo indicam pesquisadores do Cepea.

Quanto aos negócios, a “queda de braço” entre compradores e vendedores e indefinições quanto ao tabelamento de frete estão limitando os fechamentos de novos negócios.

Compradores consultados pelo Cepea se mantêm retraídos, com expectativa de que a maior oferta decorrente da colheita da segunda safra pressione ainda mais os valores.

Por outro lado, vendedores apostam que a possível menor disponibilidade, por causa da redução da área plantada e da baixa produtividade das lavouras, sustente os preços nos próximos meses.

Nessa sexta-feira, 6, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (Campinas – SP) fechou a R$ 36,22/sc de 60 kg, recuo de 2,03% frente ao dia 29 de junho.

Fonte: Cepea

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com