Santa Catarina regulamenta caça, captura e abate de javalis

Santa Catarina regulamenta caça, captura e abate de javalis

Javali
Foto: Divulgação/ Reprodução

Caberá à Polícia Militar Ambiental a expedição da permissão para os proprietários de áreas onde há registro dos javalis interessados em caçar os animais

O Governo do Estado regulamentou a caça, captura e abate de javalis em território barriga-verde através de portaria publicada no Diário Oficial do Estado.

A espécie é considerada potencial vetor de patologias prejudiciais à fauna, além de não pertencer ao ambiente silvestre nativo e causar desequilíbrio no ecossistema.

Caberá à Polícia Militar Ambiental a expedição da permissão para os proprietários de áreas onde há registro dos javalis interessados em caçar os animais.

Em decorrência, a Polícia Militar Ambiental estabeleceu o aplicativo “Ambiental SC” como o sistema para gestão e acompanhamento dessa atividade.

O aplicativo deve ser baixado no celular ou tablet. Nele, os caçadores vão fazer um cadastro para depois entregarem uma série de documentos na unidade da PM Ambiental.

Ao fazer o registro junto ao aplicativo, o proprietário receberá um código, o qual acompanhará o seu histórico, além de cadastrar suas propriedades para a fiscalização da polícia.

“O javali tornou-se um tormento para os produtores rurais porque destrói as plantações e ameaça a vida das pessoas que trabalham na área rural”, resumiu o presidente da FAESC José Zeferino Pedrozo.

De acordo com o dirigente, a PM Ambiental visitará os Sindicatos Rurais das microrregiões onde a presença de javalis é mais intensa para orientação dos produtores. Nesses encontros também estará em pauta o combate à criminalidade no campo.

A portaria ainda impõe diversas regras para a caça, como registro de porte de armas em caso do uso delas para o abate. A regulamentação não vale para áreas em unidades de conservação, onde a autorização deve ser dada pela administração do espaço.

O comando da PM Ambiental, ao final de cada ano, fará avaliação sobre a eficácia do controle populacional de javalis.

Fonte: Fecoagro