Scot Consultoria: Maior oferta de fêmeas

PARTILHAR
Foto: Faz. Elge

Para a novilha gorda a cotação permaneceu estável, o preço de referência foi de R$330,00/@, já a cotação da vaca gorda caiu R$2,00/@, e está cotada em R$296,00/@.

O descarte de fêmeas, típico para o período, começa a refletir nas cotações.
Em São Paulo a cotação da vaca gorda caiu R$2,00/@ na comparação feita dia a dia e está cotada em R$296,00/@, preço bruto e a prazo.

Para a novilha gorda a cotação permaneceu estável, mas há relatos de oferta de compra a preços abaixo da referência de R$330,00/@, preço bruto e a prazo.

A cotação da arroba do boi gordo que atende o mercado interno e externo ficou estável, contudo, as recentes quedas da cotação do dólar, podem mudar as estratégias de compra das indústrias exportadoras. 

MT Sudoeste

A cotação também caiu nessa região. A queda foi de R$4,00/@ para as três categorias destinadas ao abate no comparativo diário. Assim boi, vaca e novilha gordos são negociados, respectivamente, por R$306,00/@, R$292,00/@ e R$296,00/@, preços brutos e a prazo.

Sul de Minas Gerais

O menor ímpeto dos compradores e o consumo morno no mercado doméstico na região manteve as cotações estáveis em R$310,00/@ para o boi gordo, R$290,00/@ para vaca gorda e R$298,00/@ para novilha gorda, preços brutos e a prazo.

Fonte: Scot Consultoria

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com