Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

Sistema automático de alimentação para peixes da Nuter fomenta piscicultura de precisão

Empresa apresenta ao mercado solução que garante maior rentabilidade para o negócio e proporciona mais tempo para a gestão da produção.

Como em todas as cadeias de produção animal, a nutrição é um fator de extrema relevância para o desenvolvimento da criação de peixes. O fornecimento de alimento na aquicultura demanda atenção e cuidado dos criadores, para que a quantidade adequada ao volume de animais seja respeitada, bem como o tempo dos espaços de fornecimento também sejam precisos, para evitar o excesso ou a falta de ração nos tanques.

Pensando em oferecer facilidade e precisão, a Nuter, empresa de tecnologia para alimentação animal, apresenta ao mercado sua linha de alimentadores automáticos aplicados à aquicultura com sistema altamente tecnológico e versátil, podendo ser aplicado em diversos métodos de produção animal, desde a alevinagem até o cultivo final.

O lançamento das soluções será realizado entre os dias 23 e 26 de maio, na 12ª edição da Aquishow Brasil, no Instituto de Pesca em São José do Rio Preto, São Paulo. Após pesquisas técnicas e a campo, a empresa leva para a feira uma solução que garante maior rentabilidade para o negócio e proporciona mais tempo para a gestão da produção.

“A Aquishow será o palco da apresentação oficial do sistema ao mercado, pois entendemos que o evento é uma vitrine importante e de relevância para o setor. É lá que os criadores de peixes se encontram para conhecer as novidades e também trocar as experiências e desafios na aquicultura”, destaca o CEO da Nuter, João Benetti

O sistema de alimentação automática Nuter é o único do mercado que inicia o trato automatizado desde a alevinagem por trabalhar, inclusive, com rações em pó. A partir do uso do equipamento é possível conquistar maior uniformidade do lote, resultando no melhor desempenho da engorda e impactando no valor final do produto.

“A solução ainda garante ao produtor uma economia significativa nos custos de manutenção da qualidade da água e na própria nutrição, que se torna mais assertiva”, afirma Benetti.

Segundo o CEO, a automação do arraçoamento ajuda a garantir o fornecimento adequado de nutrientes para os animais, melhorando o desenvolvimento e saudabilidade da criação, contribuindo, assim, para o aumento da produtividade e eficiência da produção de peixes e camarões”, explica.

A automação do arraçoamento ajuda a garantir o fornecimento adequado de nutrientes para os animais, melhorando o desenvolvimento e saudabilidade da criação
A automação do arraçoamento ajuda a garantir o fornecimento adequado de nutrientes para os animais, melhorando o desenvolvimento e saudabilidade da criação; Foto: Divulgação

Investimento em pesquisa traz desenvolvimento para o setor

A Nuter também leva para a Aquishow os resultados de pesquisa promovida em parceria com o doutor em Zootecnia, engenheiro de pesca, professor Adjunto da UFRB (Universidade Federal do Recôncavo Baiano), Bruno Olivetti de Mattos, que resultou na indicação de que a utilização da autoalimentação de peixes pode melhorar significativamente o desempenho zootécnico dos animais, reduzindo os impactos ambientais e aumentando o retorno econômico aos produtores.

A palestra “A autoalimentação de peixes: O próximo passo para a piscicultura de precisão no Brasil”, será ministrada pelo professor, que também é pesquisador do Espaço Nuter, no dia 25 de maio, às 14h50, na Aquishow.

“Na oportunidade apresentaremos os conceitos e resultados de experimentos realizados durante a pesquisa, que foi a aplicação desse modelo alimentar em escala experimental, a fim de testar as diferentes estratégias alimentares no desempenho zootécnico das principais espécies de peixes nativos do Brasil. Podemos adiantar que a autoalimentação melhorou o bem-estar dos peixes e reduziu os valores de excreção de fósforo na água. Além de reduzir o desperdício e melhorar o desempenho alimentar”, pontua Olivetti.

O pesquisador também é um dos finalistas da categoria Academia, do Prêmio Inovação Aquícola, que será entregue no fim do evento e que reconhece iniciativas capazes de provocar uma transformação real e perene em toda a cadeia produtiva da aquicultura brasileira.

A Nuter estará no estande 75-78.

Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM