SRB pede ao governo solução rápida para a moratória da soja

SRB pede ao governo solução rápida para a moratória da soja

PARTILHAR
soja pronta para ser colhida
Foto: Divulgação

A moratória é uma espécie de imposição no qual empresas se comprometem a comprar produtos de produtores rurais que respeitam as regras de desmatamento.

A Sociedade Rural Brasileira (SRB) fez um apelo ao governo federal para que seja encontrada rapidamente uma rápida solução à moratória da soja e do boi. Através de comunicado, a entidade afirmou pediu quinta-feira, 14, a implantação de mecanismos que facilitem a verificação e certificação de áreas produtivas dentro da lei.

A moratória é uma espécie de imposição no qual empresas se comprometem a comprar produtos agrícolas de produtores rurais que respeitam as regras de desmatamento. Recentemente, um impasse surgiu no Pará, por exemplo, onde tradings estão se recusando a comprar soja de áreas desmatadas depois de 2008. No entanto, agricultores, amparados pelo Código Florestal afirmam que as áreas estão de acordo com as leis ambientais e mesmo assim não conseguem vender o produto.

“A produção agropecuária seja ela soja, boi ou outro produto produzido dentro da legalidade do Código Florestal não pode ser discriminado. Essencial cumprir a Legislação e inclusive os prazos legais permitidos para a regularização das áreas declaradas e cadastradas”, disse em comunicado.

A SRB solicitou também aos compradores da oleaginosa que suspendam as discriminações. “Organizados em monopsônios (mercado com apenas um comprador) não podem exercer abusivamente seu poder de mercado seja na Amazônia ou no Cerrado”, disse.

Fonte: Canal Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com