Touro Angus PATRIARCH: alta qualidade e rendimento de carcaça

Touro Angus PATRIARCH: alta qualidade e rendimento de carcaça

PARTILHAR
Foto: Alta Genetics

O aumento da demanda por animais com melhor cobertura de gordura tem sido destaque no mercado brasileiro, não apenas por ser fundamental para aumentar a qualidade da carne, mas também, por ter ligação direta com precocidade sexual. Para incentivar um maior número de animais abatidos com essa característica, alguns mercados bonificam ou penalizam conforme o escore de acabamento que a carcaça possui, e para que esse trabalho seja feito com qualidade, devemos lançar mão de touros que otimizam a deposição de gordura em sua progênie.

O rebanho base brasileiro possui cerca de 90% de sangue zebuíno, com isso ganhamos demais nos quesitos adaptação e rusticidade, porém deixamos um pouco a desejar nas características de acabamento e marmoreio e por isso o cruzamento industrial nunca teve em tamanha evidência, pois complementa essa carência existente em nosso rebanho.

A Alta, visando melhorar a lucratividade do produtor, fornece produtos de alta qualidade e alto rendimento de carcaça.

Patriarch é um touro americano extremo para espessura de gordura subcutânea (EGS), além de receber destaque para tamanho de suas peças nobres (AOL) e alto peso de carcaça. Seus filhos representam muito bem sua avaliação genética, imprimindo peso de carcaça, extrema padronização e, ainda, ótimo rendimento de carcaça.

Foto: Alta Genetics

A Fazenda Rio Bonito de propriedade de Sr. Antônio Andrada Pietro que administra junto ao seu filho Daniel Brandão e assessorada pelo nosso Gerente Regional de Uberlândia Rodrigo Borges utilizou este touro e ficou muito satisfeito com os resultados.

A fazenda que possui o ciclo completo como sistema de produção implantado, não faz qualquer tipo de suplementação até a desmama e sua recria é feita inteiramente à pasto. A fase de terminação é feita em Confinamento Expresso, um confinamento que utiliza a interação de pastos vedados com uma dieta direcionada para ganho de peso, sendo utilizado um concentrado próprio para essa técnica e um ou dois ingredientes energéticos.

Os animais ficaram no confinamento por 100 dias, obtendo um ganho médio diário em torno de 2,3kg/dia, sendo que todos foram abatidos com uma faixa de idade entre 24 e 26 meses, pesando 22,6 @ os machos com um rendimento de 58% e as fêmeas 16,3@ com um rendimento de 53,5%.

Um resultado, sem dúvida alguma, espetacular.

Fonte: Alta Genetics

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com