Trabalhadores rurais interditam BR-101

Trabalhadores rurais interditam BR-101

PARTILHAR
protesto-1
Foto: Arteris Fluminense

De acordo com informações da Policia Rodoviária Federal, a manifestação foi organizada pela Federação dos Trabalhadores na Agricultura e Central dos Trabalhadores do Brasil.

Uma manifestação contra a reforma da Previdência interditou a rodovia BR-101 nesta quarta-feira, 20, na altura de Casimiro de Abreu, no norte do Estado do Rio de Janeiro. A Polícia Rodoviária Federal foi acionada e informou que a pista da rodovia foi fechada por causa de um protesto contra a reforma Previdenciária organizado pela Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag) e pela Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB).

Segundo a Arteris Fluminense, empresa que detém a concessão de 322 quilômetros da rodovia no trecho que liga a cidade de Niterói até Campos dos Goytacazes, os manifestantes interromperam o tráfego nos dois sentidos da BR-101, na altura do quilômetro 208.

A concessionária publicou uma foto da interdição em uma rede social, mostrando uma barreira montada na pista construída com objetos que foram incendiados.

protesto-3
Foto: Arteris Fluminense

O protesto causava congestionamento na via. No sentido Niterói o engarrafamento se prolongava por cinco quilômetros, e no sentido Espírito Santo a retenção se estendia por dois quilômetros.

Por Estadão Conteúdo

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com