Venda de máquinas agrícolas cai 1,2% em março ante março de 2017

Venda de máquinas agrícolas cai 1,2% em março ante março de 2017

PARTILHAR
colheita-da-soja-bahia
Foto: Engenheiro Agrônomo Coimbra Martins Netto

Informações são da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores

As vendas internas de máquinas agrícolas e rodoviárias no atacado atingiram 3,5 mil unidades em março, queda de 1,2% na comparação com igual mês do ano passado, mas crescimento de 46,8% ante fevereiro, divulgou nesta quinta-feira (5/4), a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

No acumulado do ano, a queda é de 19,1% sobre igual período de 2017.A produção de máquinas agrícolas e rodoviárias chegou a 5,3 mil unidades em março, alta de 0,4% na comparação com igual mês do ano passado e de 37,3% em relação a fevereiro. No acumulado do ano há aumento de 0,9%, para 11,9 mil unidades.

As exportações de máquinas agrícolas, em valores, totalizaram US$ 280 milhões no terceiro mês do ano, alta de 31,2% na comparação com igual mês do ano passado, mas retração de 4,6% ante fevereiro. No ano, as vendas externas acumulam expansão de 60,8%, para US$ 876,2 milhões.

O total de máquinas agrícolas exportadas em março chegou a 1,2 mil unidades, avanço de 15,1% em relação a igual mês do ano passado. Em comparação com fevereiro, houve alta de 27,5%. No acumulado do ano, as exportações registram aumento de 31,7%, para 2,8 mil unidades.

POR ESTADÃO CONTEÚDO

-- conteúdo relacionado --
Com pressão compradora e menor liquidez, alta nos ... Após as consecutivas altas nos preços na primeira quinzena de março, o movimento perdeu a força nos últimos dias, de acordo com dados do Cepea. Em al...
Mercado de genética com demanda aquecida em 2018 Para João Campo, da Central Leilões, recuperação do preço do bezerro aumentará demanda por reprodutores e matrizes Depois de diversas crises no ano p...

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com