7 dicas para a implantação do sistema de pastejo rotacionado

7 dicas para a implantação do sistema de pastejo rotacionado

PARTILHAR

A grande vantagem do sistema de pastejo rotacionado é proporcionar um maior controle, uniformidade e eficiência dos pastejos.

*Artigo publicado originalmente no blog da FUNDAÇÃO ROGE

O importante em qualquer sistema de pastejo é o consumo de energia relacionado com a disponibilidade da forragem, proporção de folhas na pastagem, digestibilidade e consumo de forragem, além da produção de matéria natural e/ou matéria seca da planta em questão.

Uma das grandes dificuldades dos criadores de rebanho bovino a pasto é garantir produção de forragens de qualidade e um consumo de energia adequado durante o ano todo.

No sistema de pastejo rotacionado, esse problema tende a ser resolvido. A pastagem é subdividida em um número variável de piquetes que são utilizados um após o outro, podendo ter um número fixo ou variável de animais. Os piquetes são submetidos a períodos alternados de pastejo e descanso.

Quer ler o artigo completo no Blog da FUNDAÇÃO ROGE?

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com