Arroba bate R$200 e boi gordo chega a recorde!

Arroba bate R$200 e boi gordo chega a recorde!

PARTILHAR
Confinamento e Boitel VFL BRASIL. Foto: Marcella Pereira

De acordo com os analistas, essa alta reflete o ritmo avançado das exportações brasileira de carne bovina in natura, assim como a diminuição na oferta de boiada no Brasil!

Os contratos futuros do boi gordo na B3 abriram o pregão desta quinta-feira, 6, com altas expressivas. Segundo a consultoria Agrifatto, o vencimento para outubro de 2020 avança R$ 4 por arroba e alcança o esperado patamar em R$ 200 por arroba.

Na terça-feira, 5, o indicador do Cepea também surpreendeu o mercado, após o boi gordo fechar em R$ 175,70 a arroba. A referência da Esalq subiu 5,05% na comparação diária, marcando um avanço equivalente a R$ 8,45 por arroba. Na véspera, o fechamento havia ficado em R$ 167,25. No acumulado de novembro, o boi gordo já subiu 2,93%.

Na terça-feira, 5, o indicador do Cepea também surpreendeu o mercado, após o boi gordo fechar em R$ 175,70 a arroba

A empresa afirma que essa forte variação diária do indicador do Cepea reflete o mercado à vista fortalecido, gerando novo fôlego as cotações em bolsa.

De acordo com os analistas, essa alta reflete o ritmo avançado das exportações brasileira de carne bovina in natura, assim como a diminuição na oferta de boiada no Brasil.

Mercado do boi gordo segue firme, afirma Scot Consultoria

Mercado do boi gordo está forte, das 32 praças monitoradas pela Scot Consultoria, a cotação subiu em 23 delas, na última terça-feira (5/11).

Em São Paulo, a cotação subiu 0,6% na comparação dia a dia. Destaque para os bovinos que atendem o mercado chinês, para os quais há ofertas de compra de até R$5,00/@ acima da referência.

As cotações à vista vigentes são: R$172,00/@ bruto; R$171,50/@ bruto sem o Senar; R$169,50/@ livre de Funrural e Senar. 

O mercado atacadista de carne bovina com osso está em alta desde meados de setembro. O boi casado de animais castrados ficou cotado em R$11,61/kg, maior valor nominal registrado. 

Os bons volumes exportados favorecem o quadro de um mercado interno enxuto, portanto, valorizações não estão descartadas.

Compre Rural com informações da Scot Consultoria e Canal Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com