Bandidos fazem produtor refém e causam pânico!

Bandidos fazem produtor refém e causam pânico!

PARTILHAR
Polícia invadiu fazenda onde bandidos de tentativa de assalto a carro-forte estavam escondidos — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Bandidos armados assaltam produtor rural em chácara durante a madrugada; Infelizmente a insegurança no campo está cada dia pior!

Na madrugada desta sexta-feira (04), o empresário e produtor rural José Flávio dos Santos, o Flavinho Macaúba, foi rendido em sua chácara por uma dupla de homens armados que levaram dinheiro, joias, TV e moto.

Segundo o boletim de ocorrência, por volta das 2h, a vítima estava em sua casa localizada na chácara Estância Macaúba quando percebeu que dois indivíduos estavam violando a porta da frente da residência e que em seguida foram em sua direção.

Um dos assaltantes sacou uma arma de cor preta aparentando ser calibre 38, e colocou-a na cabeça de Flávio dizendo: “Me passa o dinheiro, eu sei que você tem dinheiro, eu vim de fora e não vim para perder”.

Neste momento, a vítima pegou aproximadamente R$ 4 mil em espécie e entregou para o autor. Após pegarem o dinheiro os indivíduos mandaram a vítima ficar de costas e começaram a revirar a casa em busca de mais dinheiro, sendo que foram até um dos quartos e pegaram várias joias da esposa de Flávio.

Eles ainda fugiram levando uma moto que estava no quarto da vítima, uma TV de 55 polegadas e fugiram sentido a cidade. A moto foi encontrada pouco tempo depois abandonada próxima a um laticínio vizinho do local do crime. 

Em entrevista à rádio Difusora FM, Flávio Macaúba falou que mora com a esposa e filho, mas estava sozinho na hora do assalto. “Tenho só que agradecer a Deus de estar vivo porque estavam armados e nervosos também, deixaram até a arma cair. […] Os produtores rurais precisam se unir para proteger uns aos outros, porque nós trabalhamos e a noite queremos descansar, diferente dos bandidos que têm tempo para fazer o mal”, disse.

Suspeito de furto de gado é preso por policiais civis em Aracruz

Policiais civis da 13ª Delegacia Regional de Aracruz, por meio da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic), prenderam, nessa terça-feira (01), um homem de 62 anos, proprietário de um açougue e suspeito de furto de cabeças de gado. O mandado de prisão preventiva foi cumprido na residência do detido, na zona rural de Aracruz.Continua depois da publicidade

Segundo o responsável pelo caso, delegado Rodrigo Peçanha, o detido é investigado em vários inquéritos policiais que apuram o furto de gado em propriedades rurais de Santa Rosa, em Aracruz. “Ele é proprietário de um açougue e aliciava vaqueiros da região de Santa Rosa para que os mesmos subtraíssem gado e depois adquiria esses animais por valor irrisório. Ele tinha um veículo próprio para ir até a propriedade das vítimas, comprar e transportar esse gado, participando ativamente do furto”, afirmou.

Fonte: Radio Difusora.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.