Bezerrada viaja 4500 km com transporte de aplicativo Uboi

Bezerrada viaja 4500 km com transporte de aplicativo Uboi

PARTILHAR
Foto Divulgação.

Confira a “saga” de bezerros que viajaram cerca de 4.500 km do Acre à Bahia; Pecuarista aproveitou o preço e aplicativo de transporte Uboi; Confira!

A reposição segue com mercado aquecido pelo Brasil, e essa bezerrada ganhou um “passaporte” para uma viagem cinco estrelas pelo Brasil. O supervisor de transporte boiadeiro da Friboi, contou a verdadeira aventura de 95 bezerros anelorados criados na região de Sena Madureira, no Acre, e que viajaram quase 4.500 quilômetros até o município de Nova Canaã, na Bahia, praticamente percorrendo toda a latitude brasileira.

“Foi uma experiência muito bacana esse transporte entre Sena Madureira, no Acre, e Nova Canaã, na Bahia. Até então eu não tinha participado de uma experiência como essa, mas confesso que foi uma grande aprendizado e o diferencial foi o apoio de toda equipe envolvida, principalmente nas unidades (Friboi) de Barra do Garças (MT), Porto Velho (RO), Vilhena (RO) e Goiânia (GO) para que esse transporte fosse feito com excelência até a Bahia”, disse em entrevista o supervisor de transporte boiadeiro da Friboi de Itapetinga-BA Thiago Sousa Nonato.

O transporte foi uma demanda do invernista Leão Ferreira, que solicitou o frete via aplicativo Uboi para aproveitar oportunidade de reposição. A companhia envolveu oito pessoas na missão, além de três motoristas que revezaram o transporte entre alguns trechos da viagem, que durou ao todo sete dias.

Além de oferecer condições para descanso dos motoristas, o bem-estar dos animais também foi prioridade da pernada. “Nessa viagem, por exemplo, nós fizemos três paradas em boiteis. Em cada uma dessas paradas, o prazo de descanso dos animais variou entre 12 a 18 horas para o reembarque. Nós fizemos uma parada em Conquista do Oeste-MT, uma parada em Barra do Garças-MT e uma parada em Iaciara, Goiás”, detalhou Nonato.

“Dentro desse contexto do bem-estar animal, nós também forramos os pisos com palha de arroz para acomodar melhor os animais, as paradas eram feitas constantemente para o motorista olhar os animais, além do desembarque nos boiteis, que não deixa de ser focado em bem-estar animal”, reforçou.

Confira o trajeto e imagens desse transporte:

A viagem dos 95 bezerros anelorados de 7@ de média foi feita com uma carreta três eixos com elevador, que facilita embarque e desembarque dos animais com conforto, e a bezerreira, que acomoda melhor a carga. Já no destino final, os animais chegaram com o cansaço natural da viagem, mas em plena saúde e todos em pé, conforme celebrou o pecuarista da Bahia.

“Vim aqui relatar minha experiência com o Uboi. Nós trouxemos um gado agora de Sena Madureira, no Acre, para Nova Canaã, na Bahia, 4.500 quilômetros. Só tenho a agradecer a toda a equipe do JBS, do Uboi, deu tudo muito certo! O gado chegou aqui, claro, com o desgaste da viagem, mas com a saúde perfeita, todo mundo em pé, não teve uma rês deitada. Só tenho a agradecer, pois superou minhas expectativas!”, reconheceu Leão Ferreira (à direita na imagem abaixo, junto a um dos motoristas do transporte boiadeiro).

Conforme frisou o supervisor de transporte de Itapetinga, a atuação da JBS Transportador em vários estados brasileiros, viabiliza ao produtor considerar transportes em situações similares, como este realizado do Acre à Bahia. “Estamos prontos para atender os pecuaristas nas diversas demandas”, salientou.

Com informações do Giro do Boi

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com