Bezerro é vendido a mais de R$ 1.900, olha a reposição!

Bezerro é vendido a mais de R$ 1.900, olha a reposição!

PARTILHAR
Foto Divulgação

Gado comercial à media de R$ 1.788 em Uberaba. Evento vendeu machos e fêmeas em Minas Gerais e integrou o “XVIII Circuito de Leilões Fazendas Bartira”.

Segundo os dados da CNA, o preço do bezerro registrou alta de mais de 20% em apenas dois meses. O que estamos vendo é um excelente momento para o produtor que trabalha com a cria e recria, já que a demanda pela reposição está crescendo e, com grande número de animais abatidos, ela deve permanecer em alta.

Diante de tais fatos, os dados levantados pela Scot Consultoria, registram uma alta no preço do bezerro, que apresentou novo recorde e passa a ser comercializado acima de R$ 2 mil.

Realizado na tarde de 24 de novembro no recinto de leilões da Estância Leilopec, em Uberaba, MG, a sexta e última etapa do “XVIII Circuito de Leilões Fazendas Bartira” ofertou 525 machos e fêmeas para reposição, registrando faturamento total de R$ 939.000, à média geral de R$ 1.788.

O martelo teve o comando do leiloeiro Adriano Barbosa. A organização do evento foi da Leilopec, com transmissão pelo site da leiloeira.

Confira na tabela abaixo as médias por categorias:

Mercado da reposição: no Pará a força de alta é ainda maior!

A oferta reduzida tem dado força para os preços dos animais de reposição no Pará. 

Desde o início do ano as cotações acumulam alta de 36,4%, considerando a média de todas as categorias pesquisadas pela Scot Consultoria. 

A maior demanda pelo boi magro anelorado resultou em alta de 40,8% para esta categoria desde janeiro. Atualmente está cotada em R$2,4 mil. 

No mesmo período, a arroba do boi gordo valorizou 49,6%, resultando na melhora da relação de troca com todas as categorias. 

Compre Rural com informações do Scot Consultoria e Portal DBO

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com