Busca por cavalos Crioulos de pelagem específica cresce no país

PARTILHAR
Foto: Divulgação

Procura por cavalos de pelagem manchada cresce ano a ano; exposição Mancha Crioula tem ajudado no aumento na demanda por estes animais

O mercado para os cavalos de pelagem manchada da raça Crioula está em alta. A cada ano as manadas vêm aumentando, o que demonstra a grande procura por esses exemplares. Além do Rio Grande do Sul, muitos criadores de outras regiões do Brasil têm investido nos cavalos Crioulos de pelagem tobiana, oveira e bragada.

Cada vez mais os animais de pelagens manchadas (tobianas, oveiras e bragadas) caem no gosto dos criadores da raça Crioula que vem se dedicando à seleção com mais rigor. Com isso, os exemplares ganham valorização no mercado. A avaliação é do criador Álvaro Dumoncel, que será o responsável pelo julgamento deste ano do Mancha Crioula.

Conforme o jurado, os exemplares de pelagens manchadas vieram para embelezar cada vez mais a raça, ganhando uma seleção mais pontual. Dumoncel lembra também que há um grande percentual de adeptos a estes animais, o que comercialmente é muito importante. “O cavalo manchado tem uma liquidez até maior que outras pelagens e com uma valorização muito grande. É uma seleção que veio para ficar e cada vez mais para crescer”, destaca.

O leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva, ressalta a importância do Mancha Crioula para o crescimento do mercado desses animais. A exposição, que vem sendo realizada desde 2012, iniciou, conforme Silva, com 25 animais, e na sua última edição, antes da pandemia de Covid-19, contou com 120 exemplares.

Após um ano de pausa, o Mancha Crioula já tem data confirmada para 2022. A 10ª edição da exposição será realizada de 10 a 12 de fevereiro no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS). “A nossa expectativa é contar com um número expressivo de animais”, observa Silva.

Com relação ao leilão, que está em sua 19ª edição, o diretor da Trajano Silva Remates afirma que a perspectiva também é muito boa com a oferta de 35 lotes. “Já estão inscritas quatro éguas finalistas de Morfologia em Esteio”, destaca. O leilão ocorrerá na sexta-feira, dia 11 fevereiro, com transmissão pela TrajanoWeb. As inscrições estão abertas. Informações podem ser obtidas no site da Trajano Silva Remates.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.