China vende 88,5% do trigo oferecido em leilão de reservas estatais

PARTILHAR
Foto: Divulgação

As vendas de trigo caíram nas últimas semanas durante a última rodada de leilões, conforme o governo agia para restringir o comércio e antes da nova safra de trigo.

PEQUIM (Reuters) – A China vendeu 891.938 toneladas de trigo, ou 88,5% do total da oferta, no primeiro leilão de reservas estatais desde a nova safra, informou o Centro Nacional de Comércio de Grãos nesta segunda-feira.

O grão foi vendido a um preço médio de 2.366 iuanes (371 dólares) por tonelada, de acordo com o comunicado, inferior aos preços atuais do trigo. Os produtores de ração chineses abocanharam o trigo dos estoques do Estado durante os leilões da safra passada, para substituir o milho, já que os preços deste último grão dispararam para níveis recordes.

No entanto, as vendas caíram nas últimas semanas durante a última rodada de leilões, conforme o governo agia para restringir o comércio e antes da nova safra de trigo. Os preços do milho na China caíram recentemente, levando os produtores de ração em algumas regiões a voltarem para o grão amarelo e reduzir o uso de alternativas, incluindo o trigo.

Mas as chuvas no norte da China prejudicaram a qualidade de parte da safra de milho, o que pode significar mais demanda por trigo do setor de ração. Os preços do milho na província de Shandong estavam em 2.640 iuanes por tonelada, um pouco acima dos preços do trigo na região, de 2.610 iuanes por tonelada, na sexta-feira passada.

Fonte: Reuters

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com