Consumo de café pode crescer, mas nova variante preocupa, diz OIC

PARTILHAR
foto divulgação
foto divulgação

O consumo global de café em 2020/21 atingiu 167,670 milhões de sacas, com alta anual de 1,9%

A produção global de café no ano-safra 2020/21 (outubro-setembro) totalizou 169,641 milhões de sacas de 60 quilos, alta de 0,4% na comparação com 2019/20 (168,000 milhões de sacas), disse a Organização Internacional do Café (OIC) nesta terça-feira (7), em seu relatório mensal de acompanhamento do mercado, ante as 169,635 milhões de sacas apontadas em novembro.

A produção mundial de café arábica atingiu 99,268 milhões de sacas em 2020/21 (+2,3%). Por outro lado, a safra de robusta caiu 2,2%, totalizando 70,375 milhões de sacas.

Já o consumo global de café em 2020/21, segundo OIC, atingiu 167,670 milhões de sacas, com alta anual de 1,9% (164,528 milhões de sacas em 2019/20). Em novembro, a estimativa para a demanda global de café em 2020/21 era de 167,148 milhões de sacas.

Com isso, o mercado global de café teve superávit entre a oferta e a demanda na ordem de 1,971 milhão de sacas em 2020/21, após um excedente de 4,472 milhões de sacas observado em 2019/20. Em novembro, a OIC estava apontando um excedente de 2,487 milhões de sacas para 2020/21.

Fonte: Agência Safras

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR