Consumo de carne bovina recua para o menor nível em 12 anos

PARTILHAR
A carne é o único alimento nutricionalmente completo
Foto: Divulgação

Segundo análise de Miguel Daoud, um desarranjo na economia levou consumidores a buscarem outras proteínas, que também subiram de preço

Dados do Itaú BBA revelam que um número cada vez menor de famílias no Brasil tem consumido carne bovina. Para 2021, a estimativa é de queda de 2%, um consumo de 5,24 milhões de toneladas de carne bovina, o menor volume em 12 anos. Quando se considera o consumo por pessoa, o resultado é ainda mais modesto: 24,5 kg por ano, número próximo do registrado em 2005.

Já o consumo de carnes de aves e de suínos está em alta, segundo a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), o consumo médio per capita de carne de frango subiu para 46 quilos neste ano, com evolução de 2%. Já o de carne suína foi a 16,8 quilos, com alta de 5% no ano.

Na avaliação do comentarista do Canal Rural Miguel Daoud, a redução no consumo de carne bovina está atrelada a um novo momento da pecuária no Brasil. Ele ainda ressalta que o cenário econômico no país leva os consumidores a buscarem novas opções.

“Toda vez que a renda aumenta e a inflação diminui, a população parte para proteínas. Mas com esse desarranjo da economia, dólar alto e pandemia, esses brasileiros tiveram que optar por uma proteína mais barata, como frango, suínos e ovos, que também subiram de preço”, destaca.

Fonte: Canal Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR