Cuidado ao cruzar suas vacas com boi de boiada

Cuidado ao cruzar suas vacas com boi de boiada

PARTILHAR
estação-de-monta
Foto: Divulgação

Um touro não é considerado um Boi de Boiada, afinal o touro deve ser de raça pura, sendo selecionado para transmitir características inerentes à raça!

Muitos pecuaristas estão dando dois passos para trás pensando que estão dando um grande passo no melhoramento genético do seu rebanho. Infelizmente, ainda vemos inúmeros criadores utilizando bois cruzados, pensando que estão fazendo um bom cruzamento. Entretanto, o que precisamos ficar atentos é quanto ao cuidado em cruzar as nossas matrizes com boi de boiada. Entenda o caso!

Do estado de Minas Gerais, município de Abaeté, a 220 km da capital Belo Horizonte, um pecuarista enviou a seguinte dúvida para o quadro Zadra Responde, confira!

“Zadra, tenho fêmeas aneloradas aqui em Minas e pretendo utilizar um touro. Eu pensei nos touros Bonsmara ou um meio-sangue Angus. O que você recomenda?

O zootecnista Alexandre Zadra, autor do blog “Crossbreeding” e supervisor regional comercial da Genex para os estados do Acre, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Rondônia, respondeu a pergunta fez um alerta sobre o uso do reprodutor meio-sangue Angus:

“Antes de tudo, devemos deixar claro que um touro é um animal de raça pura sendo selecionado para o intuito de transmitir características inerentes à raça. O meio-sangue não é raça, é um animal para abate, ok? Então vamos deixar bem claro: o meio-sangue não é touro”, avisou.

Na sequência, Zadra revelou quais são os reprodutores indicados para o trabalho sobre as matrizes aneloradas.

“Se você tem matrizes aneloradas e quer usar um touro, o ideal é você ou utilizar um bimestiço, um BrangusBraford, um Canchim sobre esta matriz anelorada que vai gerar animais de pelo muito curto para você e produtivos. Ou utilizar o Bonsmara, porque você gera 100% de heterose e faz carne macia para ser vendida para os frigoríficos com prêmio”, recomendou. “Então a primeira opção seria o Bonsmara, nesse caso para você, e depois você poderia utilizar outros bimestiços”, acrescentou o zootecnista.

Compre Rural adaptado do Giro do Boi

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com