‘É um momento de dificuldade para a indústria de laticínios’

‘É um momento de dificuldade para a indústria de laticínios’

PARTILHAR
Foto: Divulgação

De acordo com a consultoria MilkPoint Mercado, o preço do leite apresenta queda com o fechamento de serviços alimentares por conta da pandemia de Covid-19.

De acordo com a consultoria MilkPoint Mercado, o preço do leite pago ao produtor deve apresentar queda no mês de maio, já que o fechamento de lanchonetes e restaurantes por causa da pandemia do coronavírus gerou menor demanda por itens do setor lácteo, o que impactou o mercado do leite spot e tende a impactar também o preço pago ao produtor a partir do próximo mês.

Segundo Valter Galan, sócio da consultoria, o mercado de queijo foi um dos mais prejudicados com esses fechamentos. Queijeiros pequenos, médios e até alguns grandes com foco nesse canal alimentício tiveram vendas muito reduzidas e isso impactou o mercado do leite spot e tende impactar de leite ao produtor a partir de maio, no leite de abril pago em maio.

Para esse leite, enxergamos uma queda significativa nos preços, que já teve queda nessas últimas quinzenas no mercado spot e essa tendência também se reflete nos preços do atacado”.

Galan faz um alerta ao produtor e pede que ele fique atento aos custos de produção porque a atividade leiteira não será fácil em termos de mercado nos meses de maio e junho, de acordo com a consultoria.

“Por enquanto, não temos ouvido falar de dificuldades logísticas de coleta de leite, produção e logística de venda de derivados. Obviamente, aqueles industriais mais focados no serviço alimentar, principalmente no queijo, estão sendo prejudicados e já redirecionaram a produção seja para o leite spot ou para outros canais de venda de queijo. As vendas no começo do mês de março foram boas, mas recuaram em abril. Com isso, os volumes e preços estão mais baixos, sendo um momento de dificuldade para o setor industrial”, finaliza Galan.

Fonte: Canal Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com