PARTILHAR

Você, com absoluta certeza, já ouviu falar de carne sem carne e leite sem leite. Mas você tomaria seu sagrado café matinal sabendo que veio direto do laboratório?

Investidores dos hambúrgueres vegetarianos apostam em startup que quer produzir o café sem que haja produção da planta. Grandes players do mercado estão apostando nisso, a Atomo já conseguiu arrecadar US $ 2,6 milhões em financiamentos da Impossible Foods, a empresa de tecnologia de alimentos por trás do hambúrguer vegetariano aprovado pelo Burger King.

A proposta da empresa está mais próxima da carne cultivada em laboratório do que do hambúrguer vegano. A ideia da empresa é produzir o café à partir de moléculas que compõem o café, ele possuirá muitos dos compostos químicos que você aprecia todas as manhãs, derivados de fontes secretas mas supostamente mais sustentáveis. Se essa versão do café é realmente melhor para o planeta do que o café tradicional dependerá de onde esses compostos vêm, o que não saberemos até que a empresa lance o produto no mercado.

Foto: Atomo Coffee

O argumento da empresa é de que plantas geralmente requerem pesticidas que induzem gases de efeito estufa, e o setor cafeeiro é um contribuinte notório para as questões de desmatamento e direitos trabalhistas. Sem mencionar que a terra viável é cada vez mais escassa – cerca de metade da terra cultivada com café será improdutiva até 2050, de acordo com um relatório do Centro Internacional de Agricultura Tropical. E sem nenhum outro lugar para cultivá-lo, segundo os criadores da ideia, isso provavelmente levará a um desmatamento ainda maior.

O projeto está em andamento e eles admitem que precisam testar e provar o sabor da bebida, estimativas da empresa dizem que em meados de 2020 a bebida estará disponível para começar os testes. Eles acreditam que, levado por esse nova onde de carne sem carne e leite sem leite, provavelmente o produto será um sucesso, e aí, pronto para tomar o café sem café?

Traduzido do Grist

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.