Exportação de milho deve dobrar em 2022 para 42,6 milhões de toneladas

PARTILHAR
Foto: Divulgação

A Anec ainda destacou que as exportações de milho estão sendo beneficiadas pela recente autorização dos chineses ao cereal brasileiro.

A Anec estimou um aumento de mais de 2 milhões de toneladas na exportação de milho ante o mesmo mês do ano passado.

A exportação de milho do Brasil deve somar 42,5 milhões de toneladas em 2022, o que deve representar crescimento de mais de 100% na comparação com o volume de 20,6 milhões de toneladas no ano anterior, apontou nesta quarta-feira (7) a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec).

Com base em dados da programação de navios e embarques realizados, a Anec estimou a exportação de milho do país em dezembro em 5,4 milhões de toneladas, aumento de mais de 2 milhões de toneladas ante o mesmo mês do ano passado.

Além de uma safra recorde permitir maiores embarques em 2022, a Anec ainda destacou que as exportações de milho estão sendo beneficiadas pela recente autorização dos chineses ao cereal brasileiro, que já tem resultado em despachos efetivos para o país asiático, além de maior demanda de mercados que antes eram mais atendidos pela Ucrânia, como a União Europeia.

Fonte: Reuters

🚀 Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? ✅ 👉🏽 Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). 🚜🌱 Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com