Fazendeiro banca farmácia popular por 10 anos para ajudar população

Agora, toda a cidade de Geraldine, Alabama, nos Estados Unidos, se sente eternamente grata ao fazendeiro, que manteve uma espécie de campanha secreta de caridade.

A generosidade de um homem surpreendeu a comunidade em que viveu a vida inteira. O fazendeiro  manteve a farmácia do povo durante 10 anos e somente agora, após a morte dele, é que os amigos e vizinhos souberam do fato.

Quieto e humilde, Hody Childress foi uma espécie de anjo da guarda para os pobres e doentes da cidade. Ao saber da incapacidade dos vizinhos de sempre pagar por medicamentos, ele começou doando a Brooke Walker, proprietária da Geraldine Drugs, uma nota de U$ 100 (aproximadamente R$ 507).

Agora, toda a cidade de Geraldine, Alabama, nos Estados Unidos, se sente eternamente grata ao fazendeiro, que manteve uma espécie de campanha secreta de caridade por quem mais precisava durante anos. Um gesto lindo de gentileza e empatia.

Humildade e solidariedade

Hody era um agricultor e veterano da Força Aérea dos Estados Unidos. Segundo familiares, ele sempre gostou de fazer caridade e quando soube da situação de alguns vizinhos, não hesitou em ajudá-los.

Brooke contou que as doações começaram em um dia que o idoso foi até a farmácia e viu que uma cliente não levaria o medicamento por não ter dinheiro suficiente. A proprietária do estabelecimento então explicou que aquela era uma situação comum e o fazendeiro imediatamente tratou de resolver o problema.

“Ele disse: ‘Aqui, esses U$ 100 são para quem não pode pagar sua receita. Não diga a ninguém que o dinheiro veio de mim, diga a eles que é uma bênção de Deus’”, disse Brooke.

A dona da farmácia disse que seguiu todas as orientações do cliente e passou a ajudar muitos dos 900 residentes da cidade não podiam pagar pelas receitas.

E as doações se repetiram então pelos próximos 10 anos.

Surpresa e comoção

A saúde de Hody apresentou alguns problemas ao longo destes 10 anos, mas mesmo assim ele deu um jeito de manter as doações.

Só que infelizmente, no final de 2022, o fazendeiro ficou impossibilitado de andar devido a uma doença pulmonar e outros problemas de saúde, decidiu que precisava pedir ajuda a alguém. Foi quando ele, pela primeira vez, falou da caridade que fazia para a filha, Tania Nix.

“Fiquei chocada. Não fazia ideia de que ele estava ajudando as pessoas na farmácia”, contou Tania.

Tania então passou a levar, todos os meses, a doação do pai até a farmácia, até o dia que ele faleceu.

Foi no funeral, agora em janeiro, que Tania compartilhou a boa ação do pai. A notícia surpreendeu e comoveu toda a comunidade, que passou a ter Hody como um anjo.

“Há tantas pessoas em Geraldine que viveram mais por causa de Hody”, disse a farmacêutica Heather Walker. “Hody era um verdadeiro servo humilde que sempre será amado”. concluiu.

Boa ação continua

Tania além de surpreender a comunidade, ela também deixou todos emocionados. A filha de Hody garantiu para Brooke que as doações serão mantidas em memória ao pai dela.

As pessoas presentes no velório de Hody não seguraram as lágrimas com a notícia, já que muitos foram ajudados pelo fazendeiro.

Fonte: GNN

Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? ✅ Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM