Furacão Ian causa destruição em laticínio na Flórida

PARTILHAR

A leiteria de 4.000 vacas perdeu mais de 250 vacas depois que o furacão Ian as atingiu com ventos de mais de 160 km/h. Eles estão recebendo doações.

O furacão de categoria 4 no Atlântico foi mortal e destrutivo. Ele é o segundo furacão mais danoso, atrás do furacão Katrina em 2005, a atingir o continente.

Apesar de vivenciar o furacão Ian em primeira mão, a Dakin Dairy Farms na cidade de Myakka, Flórida, está comprometida não apenas em garantir que suas vacas ainda sejam bem cuidadas, mas também em se tornar um centro de ajuda para sua comunidade local.

Courtney Dakin, a diretora de turismo da fazenda, diz que eles estão recebendo doações e enviando-as, e ela incentiva qualquer pessoa que precise a entrar em contato com eles. “A Dakin Dairy gostaria de ser um centro para a comunidade. Se você tem algo que gostaria de doar, temos os meios para dispersá-lo. Se você tiver alguma necessidade, entre em contato”, postou a fazenda em sua página no Facebook no fim de semana.

Na tarde de segunda-feira, Dakin disse que a comunidade ainda precisa urgentemente de suprimentos. “Água, pilhas, lanternas, produtos de higiene, roupa de cama, gás, propano, colchões de ar, lonas, água, não perecíveis, Gatorade”, lista Dakin. “Tudo o que você pode oferecer.”

furacao IAN e laticínio na flórida

Dakin diz que eles também precisam de ajuda para obter produtos doados para a cidade de Myakka. “Esperamos ajudar aqueles que mais precisam em North Port e Arcadia também”, diz ela.

Aleiteria de 4.000 vacas perdeu mais de 250 vacas depois que o furacão Ian as atingiu com ventos de mais de 160 km/h. Dakin diz que o número provavelmente aumentará, pois muitos desenvolveram problemas respiratórios, como pneumonia, devido à exposição prolongada às condições climáticas durante a tempestade.

Fonte: Dairy Herd Management

🚀 Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? ✅ 👉🏽 Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). 🚜🌱

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com