Gigante: Produtor colhe abóboras com quase 30 kg

Gigante: Produtor colhe abóboras com quase 30 kg

PARTILHAR

O agricultor Joel Perley credita o resultado à ótima fertilidade do solo em uma área de seu sítio, anteriormente destinada ao cultivo de melancia.

O produtor Joel Perley foi surpreendido positivamente ao iniciar a colheita de abóbora em seu sítio, localizado na BR-401 em Normandia, no norte de Roraima. Os frutos registraram mais de 25 quilos cada, quase três vezes mais do que normal. A maior abóbora colhida na propriedade tem 29,165 kg.

A área utilizada para o cultivo da abóbora era originalmente reservada ao plantio da melancia, e o produtor acredita que isso influenciou na alta produtividade.

“Havia muito material orgânico e adubos da safra passada no solo. Com certeza isso impactou positivamente os resultados. Plantei 2 mil pés e já colhi 30 toneladas, estou calculando que totalizará por volta de 35 a 45 toneladas de abóbora”, diz Perley.

No início do cultivo, o produtor adicionou apenas 100 quilos de adubo em toda a área destinada ao cultivo. A principal atenção do agricultor foi em torno da aplicação dos defensivos e o crescimento de mato em torno dos frutos.

“O cultivo da abóbora requer menor atenção comparado ao de melancia, por ser mais resistente a pragas e mais produtivo. Enquanto o terreno estiver limpo e saudável, não haverá grandes problemas na produção. Após esses excelentes resultados, pretendemos alternar as produções de melancia e abóbora. A abóbora já faz parte do nosso calendário e temos intenção de produzi-la durante o ano todo, além de aumentar a área em 20 hectares”, diz Joel.

Foto: Joel Perley
Joel Habert, pai do agricultor. Foto: Joel Perley
Abóbora com 29,165 quilos. Foto: Joel Perley

No sítio da família também são cultivados coco, banana e mandioca. Toda a produção é destinada ao estado do Amazonas.

“São resultados inexplicáveis. Agradeço a Deus por possibilitar esses excelentes resultados, quem crê, recebe em triplo”, finaliza Joel.

Fonte: Canal Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com