Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

Mapa leva boas práticas do agro brasileiro para feira internacional de fertilizantes

Evento ocorreu nos Estados Unidos e apresentações brasileiras destacaram as capacidades agrícolas do país, bem como o Plano Nacional de Fertilizantes.

OMinistério da Agricultura e Pecuária (Mapa) marcou presença na Fertilizer Latino Americano, uma feira internacional dedicada ao setor de fertilizantes, com foco em expansão, desenvolvimento, sustentabilidade e atração de investimentos, especialmente na América Latina. O evento ocorreu de 5 a 7 de fevereiro, em Miami, nos Estados Unidos.

O encontro reuniu mais de 700 participantes de cerca de 50 países, representando mais de 360 organizações. A delegação do Mapa foi liderada pelo secretário-adjunto da Secretaria de Comércio e Relações Internacionais (SCRI), Julio Ramos. A equipe também contou com Henrique Bley, coordenador geral de Fertilizantes, Corretivos e Inoculantes da Secretaria de Defesa Agropecuária (SDA), e Reinaldo Vergara, coordenador de Investimentos Estrangeiros da SCRI.

Com apoio da ApexBrasil, o Brasil teve ainda um estande para atendimento de empresas e investidores do setor. As apresentações dos representantes do Mapa, realizadas na terça-feira (06), durante a programação da Feira, ressaltaram as capacidades agrícolas do Brasil, a relevância dos fertilizantes para o setor e as iniciativas para impulsionar a demanda no país. O Secretário-adjunto Julio Ramos destacou o papel do Brasil como potência do agronegócio e importante mercado consumidor, focando nas estratégias de sustentabilidade e nas diretrizes do Plano Nacional de Fertilizantes.

“Foi uma excelente oportunidade de levar ao mundo nossas práticas sustentáveis, como o Programa Nacional de Conversão de Pastagens Degradadas em Áreas Agricultáveis, e falar também sobre o Plano Nacional de Fertilizantes que tem por objetivo reduzir a dependência brasileira do insumo, dando competitividade e sustentabilidade à produção nacional. Seguimos empenhados em aumentar a produção de fertilizantes em 50% até 2050”, destacou Julio Ramos.

O Brasil é atualmente o quarto maior consumidor global de fertilizantes, representando cerca de 8% do consumo mundial, e o maior importador mundial. A soja, o milho e a cana-de-açúcar correspondem a 72% do consumo de fertilizantes no país. Os principais produtos importados incluem cloreto de potássio, ureia e MAP (Fosfato Monoamônico).

Mapa leva boas práticas do agro brasileiro para feira internacional de fertilizantes
Foto: Mapa/Divulgação

Fonte: Mapa

VEJA TAMBÉM:

ℹ️ Conteúdo publicado por Myllena Seifarth sob a supervisão do editor-chefe Thiago Pereira

Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM