Ministério vai repassar R$ 2 milhões para plantio de forragem no RS

Ministério vai repassar R$ 2 milhões para plantio de forragem no RS

PARTILHAR
guia de forragem roca de milho drone
Foto: Divulgação

O objetivo é beneficiar os agricultores familiares do estado, que enfrenta uma forte estiagem; O governo federal vai destinar R$ 2 milhões.

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) e o secretário de Agricultura Familiar, Fernando Schwanke, anunciaram hoje (4) que o governo federal vai destinar R$ 2 milhões para o Programa de Sementes Forrageiras do governo do Rio Grande do Sul. O objetivo é beneficiar os agricultores familiares do estado, que enfrenta uma forte estiagem.

“O Ministério da Agricultura, através da Secretaria de Agricultura Familiar, vai enviar R$ 2 milhões para, em conjunto com o governo do estado, atender os pequenos produtores no plantio de forragens com sementes e insumos para que vocês possam produzir forragem para o gado para que a situação da seca seja minimizada”, disse a ministra.

Tereza Cristina lembrou que esteve no Rio Grande do Sul no início da semana e viu de perto a situação dos produtores rurais. “Isso é para mostrar que o Ministério da Agricultura tem uma parceria com os pequenos produtores e nós não hesitamos em chegar em Brasília e acharmos uma solução para poder amenizar. Estamos trabalhando com outras soluções e outras possibilidades para atender os produtores rurais que passam por um momento de grave crise”, disse a ministra.  

“Vamos continuar dando atenção para o Rio Grande do Sul, que passa por um momento extremamente grave. Este recurso para o Plano de Forrageiros do governo do Estado já é um alento importante para que o governo possa atender todos os pequenos produtores de leite”, disse Schwanke.  

O Programa de Sementes Forrageiras tem como objetivo fomentar a aquisição de sementes forrageiras a serem utilizadas na formação de pastagens de inverno e verão destinadas à alimentação dos rebanhos de leite e corte nos estabelecimentos de base familiar. O programa beneficia principalmente produtores de leite que têm a base da alimentação do rebanho sobre pastagens.

Fonte: MAPA

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com