Peão morre pisoteado por boi após montaria, vídeo

PARTILHAR
Foto Divulgação.

De acordo com a Polícia Militar, homem de 18 anos foi socorrido por pessoas que estavam no local, mas chegou morto ao hospital. Veja!

Um jovem de 18 anos morreu após ser pisoteado por um boi na zona rural de Carmo do Rio Claro. Conforme a Polícia Militar, homem de 18 anos foi socorrido por pessoas que estavam no local, mas chegou morto ao hospital. Infelizmente o descuido e, muitas vezes, uma brincadeira dentro de um curral pode acabar gerando uma fatalidade como essa.

A montaria de animais exige conhecimento, treino e cuidados técnicos para que sejam mitigados os acidentes. Entretanto, muitas das vezes as pessoas acabam realizando um treinamento ou uma brincadeira entre amigos sem uma estrutura adequada e aparatos que são exigidos para tais fins. O Compre Rural se solidariza com a família e amigos do jovem peão!

Segundo a polícia, o rapaz, que é morador de Ilicínea (MG), estava em uma fazenda no bairro rural Itajaó e estaria fazendo uma montaria quando caiu. Após a queda, ele foi pisoteado na região do tórax pelo animal.

A Polícia Militar destacou que a vítima foi socorrida pelas pessoas que estavam no local e levada ao Hospital São Vicente de Paulo, mas chegou morto ao hospital.

De acordo com a polícia, o boletim de ocorrência foi registrado como acidente e a perícia foi dispensada. O jovem foi identificado pela Polícia Militar como Marcos Fernandes.

Nas imagens abaixo é possível ver que o peão, de apenas 18 anos, era um “futuro” montador de touros. Em imagens divulgadas pela TV, ele aparece montando animais com os amigos em uma arena improvisada na propriedade em que ocorreu o acidente que tirou a vida do jovem peão.

JOVEM MORRE APÓS SER PISOTEADO POR BOI EM CARMO DO RIO CLARO

Em acidente recente um brasileiro morreu, também, pisoteado por touro nos EUA

O brasileiro Amadeu Campos da Silva, 22 anos, morreu após ser pisoteado por um touro durante o Professional Bull Riders (PBR) — campeonato de peões profissionais na Califórnia, Estados Unidos. Segundo a organização do evento, ele foi transportado para um hospital ainda com vida, mas não resistiu aos ferimentos.

Andrew Giangola, porta-voz do torneio, contou ao site USA Today que o competidor caiu quando completou 5,3 segundos de prova. “Quando ele caiu, sua espora se enroscou e o virou de cabeça para baixo bem sob a perna de trás do touro. É um acidente realmente estranho e trágico”, declarou.

Segundo ele não houve agressão. A espora do cavaleiro ficou presa quando ele caiu e o movimento de resistência do touro “em um padrão normal” jogou o atleta para baixo do animal.

É a primeira vez que um cavaleiro brasileiro morre na competição. Há dois anos, o peão Mason Lowe também morreu pisoteado por um touro em um evento do torneio. O acidente foi em 2019 na cidade de Denver.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.