Tendência de melhora no setor de proteína animal

Tendência de melhora no setor de proteína animal

PARTILHAR
cortes de carne bovina de qualidade
Foto: Casa de Carnes Bom Beef

BTG Pactual vê uma situação melhor para produtores de carne bovina e aumento de preços do frango também sinaliza uma reversão positiva de ciclo

Após a divulgação, na segunda-feira (3/12), dos dados de exportação de proteína brasileira em novembro pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), o banco BTG Pactual publicou relatório assinado por Thiago Duarte e Henrique Brustolin dizendo que todos os sinais apontam para uma melhora do setor no quarto trimestre, tanto para o frango quanto para a carne bovina.

O banco vê uma situação melhor para produtores de carne bovina, pelas avaliações de mercado (valuation) serem menos exigentes e pela capacidade de aplicar margens de lucro maiores. No entanto, o aumento de preços do frango, de acordo com a instituição, também sinaliza uma reversão positiva de ciclo mais cedo do que se esperava.

O aumento na exportação de carne bovina indica uma oferta forte, algo que o banco vê como positivo. O fato de o preço da carne bovina estar subindo e o do gado estar caindo indicam um bom quarto trimestre para as empresas do setor, diz o BTG.

O banco vê a leve queda na exportação de frango como positiva, dada a redução recente na oferta após problemas como a greve dos caminhoneiros e barreiras para a importação por parte de alguns países. Um sinal de melhora no ciclo é o aumento de preços mês a mês, de 2,8% em dólares e 3,6% em reais (por causa da depreciação da moeda brasileira).

O banco citou, ainda, a decisão dos players principais do setor de proteína de reduzir a alavancagem via venda de ativos como positiva. “(A decisão) sugere que acionistas, pela primeira vez em pelo menos uma década, se beneficiarão de melhoras cíclicas.”

Arroba do boi gordo pode atingir 152,00/@

POR ESTADÃO CONTEÚDO

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com