PARTILHAR

Touro Bipolar está entre os três melhores do mundo, primeira vez que um touro brasileiro chega ao pódio do ranking mundial.

Animal treina na Fazenda Santa Martha, em Icém-SP, onde funciona uma verdadeira academia de campeões. Depois de receber a fivela de melhor touro do Rodeio Internacional de Barretos 2018, no último domingo (26), o touro Bipolar, da Companhia de Rodeio Paulo Emílio, conquistou o título de 3º melhor touro do mundo no ranking feito pelo Probullstats, órgão que cataloga as notas dos 500 principais touros de competição do planeta.

Essa é a primeira vez que um touro do Brasil alcança o Top 3 do ranking mundial. Bipolar somou 75.50 pontos na classificação, ficando atrás apenas dos touros norte-americanos SweetPro’s Bruiser e Old Fort Days.

touro bipolar
Bipolar / Foto: Divulgação

Em toda sua carreira, o animal brasileiro de 1.100 quilos ganhou mais de 80 fivelas em competições de rodeio e foi eleito melhor touro do ano em 2012, 2016 e 2017. É um dos únicos touros do País a competir em alto nível por um longo período – sua presença nas arenas já dura seis anos.

Para chegar a essa condição, Bipolar participa de uma série de treinamentos, que inclui fortalecimento muscular, exercícios físicos diários e exames periódicos. Tudo isso é realizado na Fazenda Santa Martha, em Icém, no interior de São Paulo, onde funciona a “academia” de touros que virou referência nacional. De lá saíram o imbatível touro Bandido e outra lenda das arenas, o Agressivo.

Touro Bolsonaro é campeão na Expointer

Morre Agressivo, um dos maiores touros de rodeio do país

 

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com