Um dos grandes ícones da Marcha Picada brasileira faleceu

PARTILHAR
cavalo mangalarga marchador - amado ipe
Foto: Divulgação

O garanhão da raça Mangalarga Marchador era simplesmente um verdadeiro Corcel Negro, tricampeão nacional de marcha picada

O Haras Calúli e Marjori, através das suas redes sociais, notificou com pesar o falecimento do garanhão Amado Ipê (Sucesso A.F.E.B. x Amado Encantada), nascido em 15/02/2006, um dos maiores reprodutores da marcha picada do Brasil. O animal era fruto de uma parceria entre os Haras Marjoi e Calúli que foi Campeão Nacional puxado e montado, e vinha se destacando cada vez mais na reprodução.

“É com profunda tristeza e imenso pesar que comunicamos a morte do nosso Amado Ipê, garanhão que foi e vai continuar sendo peça fundamental dos nossos criatórios. Agradecemos de coração a centenas de comentários que recebemos com palavras de conforto nesse momento difícil. O baque foi grande mas sem dúvidas nos dá mais força para tentar seguir caminhando. Obrigado” – publicou nas redes sociais o Haras Calúli.

O garanhão da raça Mangalarga Marchador era simplesmente um verdadeiro Corcel Negro, tricampeão nacional de marcha picada, campeão puxado e confirmado na sela aos 04 anos conquistando o título máximo na raça – campeão dos campeões de marcha picada nacional 2010, temperamento de seja, diagrama, dissociação, maciez e amplitude espetacular.

O animal era dono de pernas potentes de movimentação fora do comum, morfologia exuberante, imprime a sua prole características que mostram a evolução da raça: pernas, garupa de ótima angulação, frente altiva, ossatura e tronco forte, refletindo em uma marcha de alto nível e rendimento.

Além disso, seus filhos estão dando cena por onde passam, alguns deles são:

  • Amit RI
    • Campeão Brasileiro de Marcha Cavalo em 2022.
  • Harpia Beira Rio
    • Res. Campeã Nacional de Marcha Égua Jovem Maior em 2022.
  • Feliz Marjoi
    • 1º Prêmio Nacional Cavalo Júnior em 2022
  • Dominante da RSS
    • 1º Prêmio Nacional Cavalo Júnior Maior em 2022

Outro resultado expressivo do garanhão foi alcançado em 2022, o animal entrou para história sendo o único reprodutor a ser Campeão dos Campeões Nacional de Marcha e ter um filho repetindo o seu feito (Argos de Mairi).

“Hoje perdemos não só um cavalo, mas um ícone para a raça. Um animal espetacular, de uma índole única, um cavalo que deixará saudades! Hoje perdemos nosso garanhão chefe, o Amado Ipê! O que falar em um momento como esse? Nesse momento apenas agradecer a ter tido a benção de Deus de ter o colocado em nossa vida, em ter tido privilégio, ainda que por pouco tempo, de ter você como a nossa grande referência! Sua partida foi precoce, inesperada e dolorosa! Mas só tenho a agradecer a você, muito obrigado por tudo meu amigo! Ficam as lembranças, os ensinamentos e sua prole aqui na terra! Obrigado a todos pelas palavras de carinho!” – relatou Márcio Martins e Joilson Martinso do Haras Marjori em suas redes sociais.

A marcha é a movimentação dos cavalos em que as patas estão sempre em contato com o chão. A diferença entre marcha picada e batida está em quais patas ficam apoiadas por mais tempo durante o andar. A marcha de cada raça é o resultado dos vários cruzamento desses equinos ao longo das gerações. A marcha é uma forma de andar que poupa as articulações do cavalo e a movimentação preferida para a equitação, porque diminui o impacto de “sobe e desce” do cavaleiros que normalmente acontece no trote.

A marcha picada tem predominância dos apoios laterais e tríplices. Ou seja, durante o movimento ele passa mais tempo apoiado nas patas de mesmo lado ou de três patas simultaneamente. Como o nome sugere, a frequência de troca de apoios é bem maior na marcha picada fazendo com o que o animal leve mais passos para percorrer a mesma distância, se comparado com uma marcha batida.

🚀 Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? ✅ 👉🏽 Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). 🚜🌱 Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.