Animais invadem fazenda, bebem vinho e ficam bêbados

Animais invadem fazenda, bebem vinho e ficam bêbados

PARTILHAR

Animais aproveitaram que a propriedade na China estava vazia e se fartaram do alimento alcoólico. Dois deles desmaiaram embriagados. Confira!

Provavelmente os animais experimentarão algum tipo de evolução após ficaram longe dos humanos, como provou um grupo de 14 elefantes que invadiu uma fazenda na China (vazia, por causa das medidas de isolamento social), em busca de comida e encontrou bem mais que isso.

Além do distanciamento humano, a natureza tornou muito mais saudável a exposição de grupos de animais, já que a poluição diminuiu consideravelmente em decorrência da ausência de ação do homem — algo que teve impacto direto na saúde de espécies marginalizadas pelos fatores ambientais.

Um dos eventos de exposição de animais foi o curioso caso dos elefantes de Yunan, província de Guangdong, na China, que, em busca de alimentos e água, invadiram uma planície local e decidiram devorar boa parte das hortaliças amadurecidas no campo. Segundo a publicação da Epicalyptic no Facebook, o time de 14 indivíduos acabou bebendo cerca de 30 quilos de vinho de milho, algo que definitivamente não iria terminar bem.

“O grupo invadiu o local, na província chinesa de Yunan, querendo comer, mas encontrou muito mais. Lá eles comeram cerca de 30 kg de vinho de milho, já fermentado. Isso, obviamente, os deixou bêbados”, comentam na postagem.

Embriagados, os elefantes caíram de sono em um jardim de chá próximo à plantação e viralizaram nas redes sociais, com diversas páginas e usuários compartilhando suas imagens, nas quais estavam dormindo.

Apesar de muitos terem considerado essa situação preocupante, por retirar os mamíferos de seu ambiente natural, outros acharam um registro superdivertido e fofo, mostrando os elefantes dormindo lado a lado e dignos de uma ressaca das boas.

O fato é mais um que permite severas reflexões durante o período de quarentena, sendo necessário que o homem tenha lições e reflita tais aprendizados nos cuidados com o ambiente e os animais, respeitando seus hábitats e hábitos alimentares, higiênicos, nômades, além de tratá-los como parte viva da natureza e essencial para a manutenção do meio.

Compre Rural com informações de Megacurioso e R7

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com