Árabes podem comprar mais US$ 200 mi de carne em 12 meses

Árabes podem comprar mais US$ 200 mi de carne em 12 meses

PARTILHAR
HALAL
Foto Divulgação.

A Abiec esteve presente em uma das feiras de alimento mais importantes do mundo, ampliando o relacionamento com parceiros e divulgando o produto brasileiro.

A Associação Brasileira das Indústrias Exportadores de Carnes (Abiec) participou da Gulfood, uma das principais feiras de alimento do mundo, realizada em Dubai até esta quinta-feira, 20. Durante o evento, a entidade trabalhou, em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), para divulgar a carne bovina brasileira e ampliar os parceiros comerciais.

Além de apresentar aos participantes da feira o modelo produtivo da pecuária do Brasil, os visitantes puderam degustar a carne. Com a participação, são projetados US$ 200 milhões em negócios gerados para os próximos 12 meses.

“Mais do que os números, a participação brasileira foi importante para nos aproximarmos ainda mais de um mercado importante e que tem potencial de crescimento”, analisa a diretor-executiva da Abiec, Liège Vergili Nogueira. Em 2019, as exportações brasileiras para os países árabes somaram mais de 511 toneladas, alta de 5,7% em relação ao ano anterior.

Os países árabes são um mercado “valioso”, de acordo com o vice-presidente da Conselho Nacional de Pecuária de Corte (CNPC), Sebastião Guedes. Essas nações são responsáveis por 28% do total embarcado pelo Brasil.

“É um mercado fiel, altamente interessante e tradicional para o Brasil. Poucos países têm a chance que o Brasil tem”, comenta. Ele afirma que as condições sanitárias da cadeia produtiva nacional são excelentes.

Líderes de consumo

Da região do Oriente Médio e levando em conta o volume, o país que mais importa a carne brasileira é o Egito. No caso dos egípcios, a preferência é por carne congelada. Enquanto no Líbano, a carne resfriada é mais abundante.

Para exportação de cortes congelados, infraestrutura e logística muito bem elaboradas são essenciais. Desde o momento da embalagem (que é feita a vácuo) até o momento de estufar o contêiner, todos os equipamentos necessários, planta e temperatura devem estar sob controle.

Compre Rural com informações do Canal Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com