PARTILHAR

Aplicativo que traz os valores de comercialização da arroba mostra negócio realizado em São Paulo com o valor de R$ 250,00.

A pecuária nacional tem passado por um momento distinto. De acordo com dados do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, os preços da arroba negociada no mercado paulista e os da carne no atacado da Grande São Paulo alcançaram patamares recordes reais. Oferta restrita de boiadas, melhora do consumo doméstico e exportação em alta mantém viés altista no mercado do boi.

Mercado de reposição aquecido. Devido às fortes altas do boi gordo, as categorias mais eradas para giro rápido continuam puxando as cotações no mercado de reposição. De acordo com levantamento da Scot Consultoria, a alta foi de 4,7% nos preços na última semana, frente à semana anterior, considerando a média das categorias de boi magro e garrote anelorado de todos os estados pesquisados.

Confira o valor negociado em Serra Negra, São Paulo.

Fonte: AgroBrazil

A empresa de assessoria AgroBrazil traz por meio de seu aplicativo os negócios realizados no dia em tempo real. O aplicativo garante que as negociações aconteceram mediante filtros determinados pela empresa.

Firme na alta

Para o curto e médios prazos, com a capacidade de suporte das pastagens ganhando ritmo, a oferta restrita de animais de reposição, o boi gordo em alta e os recriadores tendo que repor sua boiada, o mercado de reposição deve se manter firme e em alta.

Quanto à oferta de animais, segue restrita em todas regiões acompanhadas pelo Cepea. De modo geral, o crescente abate de fêmeas em anos recentes resultou em restrição de oferta de animais. Nesse sentido, a pecuária nacional vai ter que responder com aumento de produtividade para conseguir atender à crescente demanda por novos lotes para abate, tendo em vista que o abate de fêmeas atingiu volumes recordes nos primeiros meses deste ano.

Bora produzir pecuarista!

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.