Balizador do GPB conquista novo status na Pecuária

Balizador do GPB conquista novo status na Pecuária

PARTILHAR
Foto: Divulgação

Balizador de preços do GPB é oficial agora; a aliança, com a Datagro, aprimorará a apuração e a auditagem do Balizador de preços do boi gordo.

O Grupo Pecuária Brasil foi criado por Oswaldo Furlan em 2014, hoje reúne mais de 1.500 pecuaristas e pessoas ligadas ao setor pecuário nacional. Além do “grupão” nacional, existem outros coligados formando uma teia de mais de 9 mil integrantes. Atualmente o grupo está passando por uma institucionalização e seguirá sem fins lucrativos, criado de produtor para produtor, através de parceiros entregam aos produtores várias soluções como compra e vendas coletivas, compartilhamento de informações, notícias e trocas de experiências.

O GPB firmou, na última quarta-feira (10), com a Datagro, uma aliança estratégica para aprimorar a apuração e a auditagem do Balizador de preços do boi gordo. O Balizador do Boi Gordo é uma planilha de preços abastecida de informações passadas por pecuaristas que realizaram negócios com a indústria frigorífica.

Segundo seu Presidente, Oswaldo Furlan, o balizador torna-se um índice oficial e em breve o pecuarista terá mais essa ferramenta disponibilizada no mercado para poder negociar seus contratos de forma mais segura com os preços do mercado do boi gordo atualizado em tempo real.

O foco da parceria será o contínuo aprimoramento da metodologia de apuração e a representatividade da amostragem do balizador de preço do boi nas praças consideradas mais relevantes no Brasil. A base do conteúdo continua sendo o preço de referência informado pelos pecuaristas em cada praça principal e apresenta informações detalhadas dos negócios realizados. Além do preço, traz dados sobre a categoria e idade do animal, forma de pagamento e escalas de abate. São ferramentas fundamentais de gestão e planejamento para confinadores, frigoríficos, investidores e pecuaristas.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.