BB e Caixa vão abrir novas agências para o agronegócio

BB e Caixa vão abrir novas agências para o agronegócio

PARTILHAR
banco do brasil e caixa economica federAL
Foto: Divulgação

Banco do Brasil e Caixa Econômica Federa anunciam abertura de dezenas de novas agências especializadas no agronegócio; confira os Estados contemplados

Seguindo o planejamento de reestruturação organizacional anunciado em janeiro, o Banco do Brasil divulgou nesta quarta-feira que 14 novas agências especializadas para o agronegócio serão abertas em seis Estados ao longo dos meses de fevereiro e março. Ao todo, a estatal contará com 18 unidades de negócios voltadas especificamente ao relacionamento e consultoria a produtores rurais.

As novas agências funcionarão nas cidades de Rio Verde (GO), Sorriso (MT), Dourados (MS), Cascavel (PR), Maringá (PR), Londrina (PR), Ponta Grossa (PR), Ijuí (RS), Santa Maria (RS), Passo Fundo (RS), Araçatuba (SP), Presidente Prudente (SP), Ribeirão Preto (SP), e Franca (SP), se somando às já em funcionamento em Goiânia (GO), Uberlândia (MG), Campo Grande (MS) e Campo Mourão (PR).

O BB também intensifica o atendimento, com mais 276 gerentes dedicados ao setor e o número de clientes que contam com o atendimento especializado evolui de 158 mil para 227 mil. Ao todo, são dois mil profissionais qualificados para prestar assessoria aos produtores rurais.

A carteira de crédito agro do Banco do Brasil representa 26% do total do banco e apresentou crescimento de 4,2% nos últimos 12 meses, chegando a R$ 190,5 bilhões, de acordo com dados divulgados ao fim do terceiro trimestre.

Sistema está disponível para desktop e aplicativos para dispositivos móveis (Foto: Banco de Imagens)

Caixa vai abrir 75 novas agências e contratar 1,5 mil empregados

Em transmissão pelas redes sociais com o presidente Jair Bolsonaro, o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, anunciou a criação de 75 novas unidades do banco em todo o Brasil, sendo 20 unidades especializadas no agronegócio. A medida vai na contramão do que têm feito os bancos privados e até mesmo o Banco do Brasil, que também é estatal, e anunciou recentemente um grande plano de enxugamento de agências e de demissão.

Para a expansão, a Caixa também prevê aumento no número de funcionários. Haverá um reforço imediato das equipes nos próximos meses com a contratação de 566 novos empregados. Até o final do ano, a Caixa pretende contratar outras 1.000 pessoas.

Segundo a estatal, a expansão visa aumentar a capilaridade do banco, com foco nas regiões Norte e Nordeste, e beneficiará cerca de 18 milhões de brasileiros.

  • Na região Nordeste, serão abertas 36 novas unidades: 16 no Maranhão, nove no Ceará, sete no Pernambuco, duas na Bahia, uma na Paraíba e uma no Piauí. Na região Norte, são 19 novas unidades: 16 no Pará, duas no Amazonas e uma em Rondônia.
  • Para a região Centro-Oeste, a Caixa vai abrir 10 unidades: quatro no Mato Grosso, três em Goiás e três em Mato Grosso do Sul. Na região Sul, duas unidades serão abertas no Paraná e mais uma no Rio Grande do Sul.
  • Sete unidades serão inauguradas na região Sudeste: três em Minas Gerais, duas em São Paulo e duas no Rio de Janeiro. Nenhuma está prevista para o Espírito Santo.

Segundo a Caixa, com essa expansão o banco estará presente em todos os municípios brasileiros com mais de 40 mil habitantes e vai chegar a 4.200 agências. O banco público também ampliará a quantidade de agências-caminhão de 8 para 12 unidades.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com

PARTILHAR
Portal de conteúdo rural, nosso papel sempre será transmitir informação de credibilidade ao produtor rural.