Bolsonaro defende “segunda com carne”; Você apoia?

PARTILHAR

Sem citar Bradesco, Bolsonaro defende consumo de carne todos os dias. Na live semanal, o presidente disse que o consumo de carne deve acontecer de segunda a domingo!

Na tradicional live semanal, o presidente Jair Bolsonaro, defendeu o consumo diário de carne vermelha. O presidente fez uma defesa enfática do consumo de carne no país ao dizer que o agronegócio é um “bom negócio” e que o consumo da proteína animal deveria ocorrer de segunda a domingo para quem tem condições financeiras.

Sem citar o Bradesco, que se envolveu em uma polêmica depois da divulgação de uma peça publicitária em que defendia a redução do consumo de carne, o presidente falou o agronegócio é um “bom negócio”.

“Investir no agronegócio é um bom negócio e, para mim, carne fica de segunda a domingo, desde que tenha a disposição para a gente comprar, obviamente, e recurso para tal”, disse.

O presidente disse que o agronegócio é a “locomotiva do país”. “A gente nunca vai fazer uma campanha contra o agro porque o agro, aí entra agricultura, pecuária, são as locomotivas do nosso Brasil”, complementou.

Bolsonaro ainda citou a importância da ministra Tereza Cristina na condução da pasta da Agricultura, reforçando que sempre leva a ministra em compromissos no exterior.

Bolsonaro afirmou que nas viagens internacionais, quando se fala sobre agronegócio, leva a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e que haveria um “carinho muito especial” — depois se corrigiu para “interesse”. Na live, o presidente também rebateu alegações de que ele não teria uma boa política comercial com a China, principal importador do Brasil.

“Alguns falam, por exemplo, que eu tenho uma horrível política comercial com a China. A China nunca vai deixar de importar nada nosso, eles precisam. Se eles pudessem comprar de outro país mais barato, eles comprariam. Essa é uma realidade”, disse.

Bolsonaro afirmou que o país vai colocar produtos ainda mais baratos no mercado ao citar que está havendo um ressurgimento do modal ferroviário no Brasil. Essa é uma das apostas do governo e de produtores para baratear o custo do frete.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com