Creep-feeding: Passo a passo para a engorda de bezerros

Creep-feeding: Passo a passo para a engorda de bezerros

PARTILHAR
bezerros creep-feeding comendo
Foto: Marca Peixe

Conheça os detalhes técnicos para a implementação da técnica do creep-feeding; modelo, idade dos bezerros, quantidade de suplementação e dicas valiosas

O processo de recria dos bovinos de corte deve ser iniciado logo após o nascimento. Por isso, explica a zootecnista Fabiana Shiozaki, representante técnica comercial da Auster Nutrição Animal, nos casos em que a produção de leite da mãe não é suficiente para atender às demandas calóricas dos bezerros ou o produtor deseja um maior desempenho dos bezerros é preciso lançar mão de estratégias específicas, como o creep-feeding. “Trata-se de um sistema de suplementação para bezerros ainda em amamentação, que comprovadamente proporciona rápido ganho de peso e redução do tempo de terminação. “

“Os bezerros têm aumento gradativo das necessidades nutricionais durante o período de crescimento, forçando-os a aumentar o número de mamadas ou a buscar novas fontes de nutrientes. Nesse caso, no sistema de creep-feeding os bezerros têm acesso a novas fontes de nutrientes e, portanto, conseguem suprir suas necessidades nutricionais de forma eficiente, resultando em melhor desempenho zootécnico”, ressalta a zootecnista.

Fabiana Shiozaki explica o estabelecimento do creep-feeding: o cocho para a alimentação dos bezerros deve ser instalado dentro de um cercado, o qual terá caráter limitador, de maneira a permitir apenas a entrada de bezerros no espaço. O método costuma ser introduzido aos bezerros a partir dos dois meses de idade, quando o leite passa a suprir cerca de 70% de suas necessidades nutricionais.

Para que o creep-feeding seja eficiente, é importante estar atento à altura e espaço do cocho, número de animais e instalação de cercados que permitam o acesso apenas a bezerros. É necessário, também, que a suplementação seja bem formulada, de modo a suprir todas as necessidades dos animais, como rações com NDT (nutrientes digestíveis totais) entre 75% e 80% e com proteína bruta entre 16% e 18%.

“Pode ser ofertado de 0,5% a 1% do peso vivo do animal em alimentação, tendo a frequência de reposição variando conforme o manejo da fazenda e com o clima. Atenção aos períodos de chuva. Se os alimentos forem molhados devem ser descartados e repostos, procedimento que exige que os pecuaristas fiquem sempre atentos ao acesso dos bezerros à alimentação no cocho.

marca peira bezerros no creep-feeding
Foto: Marca Peixe

“O método é eficiente e pode proporcionar ganho de 25kg a 50kg até o desmame, conforme a suplementação e a expressão gênica dos bezerros.” Além disso, o creep-feeding tem como efeito indireto o aumento da taxa de prenhez, devido à menor dependência dos bezerros à amamentação, proporcionando melhores condições para que as matrizes voltem à reprodução.

Com o objetivo de proporcionar maior eficiência à engorda de bovinos e ao sucesso do creep-feeding, a Auster Nutrição Animal oferece o concentrado energético Numia Booster @+, que pode ser adicionado a outros ingredientes, como milho e farelo de soja, para obtenção do máximo resultado zootécnico.

Numia Booster @+ possui em sua composição grandes fontes de energia, como a gordura hidrogenada (Prius), macro e microminerais, vitaminas e monensina – esta funciona como melhorador de desempenho, sendo indicada ao creep-feeding pelo elevado aporte energético oferecido. Como concentrado palatável e de fácil manejo, pode ser servido diretamente no cocho, ou ainda misturado, possibilitando ainda mais palatabilidade aos alimentos.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com