Cruzamento Inverso: Posso usar Nelore nas minhas vacas Angus?

Cruzamento Inverso: Posso usar Nelore nas minhas vacas Angus?

PARTILHAR
Vacada Nelore com Bezerro Angus no Pé
Foto: Asbia

Utilização do cruzamento tem crescido e se tornado um grande aliado para garantir o aumento de produção e lucro do produtor

Diante disso, tentamos abordar o tema dentro de vários aspectos e sempre trazendo informações que são pertinentes para os produtores e envolvidos na cadeia produtiva.

O cruzamento entre raças, principalmente com a utilização do Angus, tem crescido muito no Brasil e o produtor encontrou na F1 um presente para sua produção.

O especialista Alexandre Zadra, veterinário e fundador do Cross Breeding, trouxe mais uma abordagem do tema em uma resposta a um de seus clientes. Confira abaixo a integra:

Pergunta:

“Sou criador em Uruguaiana, região sul do Rio Grande do Sul, onde minha família cria Angus há muito tempo. Tenho visto alguns criadores cruzando as vacas com raças Zebuínas. Qual vantagem tenho de fazer o cruzamento inverso que o Brasil faz, usando Nelore ou Tabapuã nas minhas Angus? E o resultado será igual? E se usar Braford nas Angus como alguns vem fazendo aqui na região? Agrego o que?” Eros Gartner – Uruguaiana (RS)

Resposta:

Eros, sua pergunta realmente é muito boa. Precisamos antes de tudo deixar claro que o clima dessa região tem extremos, fazendo muito frio com vento e chuva no inverno e um calor escaldante e seco no verão.

Dessa forma, o grau de sangue das matrizes para que possam reproduzir bem e desmamar um ótimo bezerro na sua região deve ficar entre 5/8 e ¾ de sangue europeu, como alguns bimestiços (Brangus e Braford) e o Bonsmara, pois com esse grau de sangue europeu perdem os pelos no verão e ganham pelo no inverno. Dessa forma, possuem um alto potencial de adaptação aos extremos do clima gaúcho.

Quanto ao uso do zebu na sua vaca Angus, tenho que o resultado da heterose materna desse cruzamento será maior que o cruzamento usando sêmen Angus nas matrizes Nelore, já que a matriz Angus apresenta ótima habilidade materna, desmamando um bezerro muito pesado.

Apenas recomendo que use sêmen de touros zebuínos com DEP negativa para peso ao nascer quando for inseminar suas novilhas Angus, pois é muito comum termos distocia quando usamos zebuínos em novilhas taurinas.

Vaca Angus com bezerro F1 Nelore/ Angus no pé
Vaca Angus com bezerro F1 Nelore/ Angus no pé. Muita adaptabilidade aliado a conformação. Argentina. Foto: Autor

Quanto ao uso da raça Braford nas suas Angus, você agregará certa adaptabilidade, com o alto potencial produtivo do Braford, logrando os benefícios da heterose. Produzirá um animal com 81% de sangue europeu, melhorando a adaptabilidade em relação a raça Angus pura. Suas filhas serão precoces e os machos produzirão carcaças maiores com melhor rendimento.

Fêmeas Braford x Angus
Fêmeas Braford x Angus adaptadas para o RS e precoces, com carcaça pesada. Foto: Autor
Biotipo da animal Braford x angus
Biotipo da animal Braford x angus. Produção com certa adaptabilidade para o RS. Foto: Autor

Leia também:

Terneiro Braford e mãe Red Angus
Terneiro Braford e mãe Red Angus. Carcaça e peso com adaptabilidade condizente ao clima do sul do RS. Foto: Autor
Terneiro Braford e mãe Red Angus
Terneiro Braford e mãe Red Angus. Carcaça e peso com adaptabilidade condizente ao clima do sul do RS. Foto: Autor

Adaptado pela Equipe Compre Rural com informações do Cross Breeding

Comprovado: Vaca braba não emprenha

-- conteúdo relacionado --

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com