Escoamento da carne bovina avança durante feriado

PARTILHAR
carne
Foto Divulgação. Fonte: Iepec.

Segundo a Agrifatto, o resumo do feriado paulista foi de boa fluidez da carne bovina nas gôndolas do varejo que, segundo os dados, registra leve melhora.

Os preços do cereal têm estabilidade nas principais praças do país com negócios esporádicos, com isso a saca do grão negociada em Campinas/SP mantém os R$96,00. Na B3, os contratos apresentaram leve variações negativas nos preços, com uma possível melhor oferta com o decorrer da colheita, o futuro com vencimento em setembro/21 cai 0,91% e é negociado a R$ 92,25/sc.

Em Chicago, a terça-feira se encerra com alta nas negociações, após traders cobrirem suas posições vendidas. O contrato com vencimento em julho/21 do cereal subiu 1,16% e foi vendido a US$ 6,77/bu.

Boi gordo

Os consumidores foram às compras neste final de semana, levando a uma melhor saída de proteína bovina para o mercado interno. Com a sinalização de ligeira melhora demanda, os preços da arroba do boi gordo no mercado físico variaram de forma pontual nas principais praças paulistas, apresentando negociações de boi padrão China fechadas a R$ 320,00/@. Na B3, o contrato de outubro/21 fechou o dia cotado a R$ 324,60, com desvalorização de -0,89%.

O mercado atacadista de carne bovina segue comportando, sem apresentar alterações nos preços dos principais cortes bovinos, mantendo portando a carcaça casada bovina cotada a R$ 19,60/kg

Soja

Já no mercado da soja, a valorização do dólar e dos futuros na CBOT, fazem com que a oleaginosa encerre o dia com avanço nos preços. Em Paranaguá/PR, as negociações estão na média de R$ 167,00/sc.

A alta do óleo de soja em Chicago, impulsiona levemente os preços da oleaginosa na bolsa americana, o clima das regiões produtoras dos EUA segue no radar. O futuro com vencimento em julho/21 é cotado a US$ 14,38/bu, avanço de 0,38% no comparativo diário.

Fonte: Agrifatto

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com