Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

Gado bovino dos EUA chegou ao patamar mais baixo desde 1951

Com recuo de 2% ante janeiro de 2023, o número de cabeças nos EUA chegou em 87,2 milhões; em 1951 o número somou 82,1 milhões.

O rebanho bovino dos Estados Unidos era de 87,2 milhões de cabeças em 1º de janeiro de 2024, recuo de 2% ante igual data no ano anterior e quinta queda anual consecutiva, segundo relatório o Serviço Nacional de Estatísticas Agrícolas do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA). 

Nas redes sociais, o serviço confirmou que o número é o mais baixo desde 1951, quando o país somou 82,1 milhões de cabeças.

Entre outros números, o relatório indicou que do total de 87,2 milhões de cabeças, 37,6 milhões eram de vacas e novilhas que pariram.

Além disso, havia 28,2 milhões de vacas de corte no país, 2% a menos do que um ano antes. O número de vacas leiteiras também teve leve recuo, somando 9,36 milhões de cabeças, informou a agência.

A safra de bezerros dos EUA foi estimada em 33,6 milhões de cabeças, redução de 2% em relação a 2022, enquanto o total de bovinos em confinamento era de 14,4 milhões de cabeças, aumento de 2% em relação a 2023.

Fonte: Estadão Conteúdo

VEJA TAMBÉM:

ℹ️ Conteúdo publicado por Myllena Seifarth sob a supervisão do editor-chefe Thiago Pereira

Quer ficar por dentro do agronegócio brasileiro e receber as principais notícias do setor em primeira mão? Para isso é só entrar em nosso grupo do WhatsApp (clique aqui) ou Telegram (clique aqui). Você também pode assinar nosso feed pelo Google Notícias

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

Siga o Compre Rural no Google News e acompanhe nossos destaques.
LEIA TAMBÉM