Mega-fazenda ultrapassa 300 mil litros por dia

Mega-fazenda ultrapassa 300 mil litros por dia

PARTILHAR

A mega-fazenda, Adecoagro, na Argentina, ultrapassa os 300 mil litros de leite por dia e já projeta um crescimento para alcançar 14 mil vacas ordenhadas!

No segundo trimestre deste ano, o total de vacas leiteiras na mega-fazenda da Adecoagro chegou a 8992, número 20% superior ao do mesmo período de 2018. A empresa está em processo de expansão para atingir um total de 14.000 vacas.

A empresa é a principal produtora de leite da Argentina, nosso vizinho. Além disso, as condições climáticas e sanitárias, favorecem o conforto animal nos setores de produção. Sendo assim, esses fatores aliados favorecem a produtividade, as taxas de reprodução e a qualidade do leite.

MEGA-FAZENDA NA ARGENTINA ULTRAPASSA 300 MIL LITROS POR DIA E PROJETA CHEGAR A 14 MIL VACAS

No primeiro semestre de 2019, a unidade de lácteos da Adecoagro gerou Ebitda de 5,27 milhões de dólares contra 4,39 no mesmo período de 2018. O free-stall da empresa que fica em Santa Fé, alcançou uma produção média diária de 35,4 litros por vaca.

A produção de leite da empresa nos primeiros seis meses deste ano foi de 55,5 milhões de litros, valor 17,1% superior ao registrado no mesmo período do ano passado.

Dados do site da empresa:

  • 3 unidades de produção;
  • 8.500 vacas ordenhadas;
  • Produção anual de mais de 100 milhões de litros de leite cru de alta qualidade;
  • 1,4 MW de energia elétrica proveniente dos efluentes, biodigestores.

“No negócio do leite, os preços e volumes de vendas mais altos foram responsáveis ​​pelo aumento do desempenho financeiro. Os preços do leite aumentaram como resultado da escassez de leite (na Argentina) devido a problemas climáticos, mas graças ao nosso sistema estável, a produção de leite não foi afetada, o que nos permitiu aproveitar ao máximo a alta preços ”, disse Adecoagro.

A Adecoagro começou este ano a operar duas plantas industriais adquiridas da cooperativa SanCor por 47 milhões de dólares.Uma está localizada em Chivilcoy com uma capacidade de processamento diária de 700.000 litros. Produz leite fluido longa vida.

Veja imagens da produção

E a outra em Morteros com capacidade diária de 910.000 litros (dedicados à produção de leite em pó e palitos de queijo destinados ao mercado externo).

No primeiro semestre de 2019, as vendas de leite UHT da Adecoagro totalizaram 15,33 milhões de dólares, enquanto as vendas de queijo chegaram a 3,82, leite em pó de 3,41, creme de 2,06 milhões de dólares.

A empresa também obteve receita de 1,43 milhões de dólares com a venda de vacas leiteiras, de acordo com o relatório apresentado às autoridades reguladoras dos EUA (SEC).

Em relação às operações industriais, a Adecoagro destacou que “ainda há coisas para aperfeiçoar, mas nos sentimos muito otimistas quanto às muitas oportunidades que temos no futuro e esperamos que as instalações de Morteros e Chivilcoy ofereçam resultados positivos mais cedo do que o inicialmente esperado. “

A Adecoagro é um conglomerado de empresas de agronegócio da América do Sul controladas por uma empresa sediada em Luxemburgo. O CEO é o argentino Mariano Bosch e a sede da empresa está localizada na cidade de Buenos Aires.

Entre seus acionistas estão a Al Gharrafa Investment Company, a Stichting Pensioenfonds Zorg, em Welzijn, a Jennison Associates, a Bienville Capital Management LLC e a EMS Capital LP. Listado no mercado US Nasdaq.

Alimentos e conforto

As vacas são alimentadas de acordo com um equilíbrio nutricional ideal composto de grãos e forragens conservadas e são ordenhadas três vezes ao dia, usando uma plataforma rotativa de 80 posições, que permite ordenhar em média mais de 500 vacas por hora.

Para garantir o máximo conforto, os galpões estão equipados com:

1- Camas de areia que são mantidas limpas e secas.

2- Água abundante disponível.

3- Limpeza constante dos corredores onde circulam.

4- Sistema de refrigeração com ventiladores e aspersores de água para reduzir o calor no verão.

Ao poder controlar as variáveis ​​de produção, são alcançadas melhorias substanciais na conversão de alimentos em leite e produtividade, muito superiores aos sistemas tradicionais. Assim, em 2017, alcançamos uma média anual de 36,7 litros por vaca por dia.

Processamento

Temos 2 plantas de alta produtividade localizadas em locais estratégicos, o que nos permite ser os produtores mais eficientes do mercado.

1- Planta de argamassa: localizada na província de Córdoba, possui uma capacidade de processamento de 940 mil litros por dia. Produtos: Leite em pó e queijos semi-duros.

2- Planta Chivilcoy: Localizada na província de Buenos Aires, possui capacidade de processamento de 600 mil litros por dia. Produtos: Leite UP e UHT.

Compre Rural com informações do Ezequiel Tambornini, Valor Soja – Traduzido e adaptado pela equipe Bolsa do Leite

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com