Mercado árabe é foco de expansão da carne brasileira

Mercado árabe é foco de expansão da carne brasileira

PARTILHAR
Foto: Divulgação

De olho no crescimento de um dos mercados mais importantes para a carne brasileira, Abiec participará de uma das principais feiras de alimentos do mundo em Dubai.

Em busca do crescimento de um dos mercados mais importantes para a carne brasileira, a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec) se prepara para participar novamente da Gulfood. A feira é uma das principais do ramo de alimentos e bebidas do mundo e acontece em Dubai, nos Emirados Árabes, de 16 a 20 de fevereiro.

Conforme a Abiec, a ação comercial é realizada em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). O projeto Brazilian Beef contará com a presença de 17 empresas associadas: Agra, Agroindustrial Iguatemi, Astra, Cooperfrigu, Frigol, Frigon, Frigosul, Frigotil, JBS, Marfrig, Masterboi, Mataboi, Mercurio Alimentos, Minerva, Plena Alimentos, Supremo e Zanchetta.

Durante o evento, a Associação irá promover o tradicional churrasco brasileiro aos visitantes do mundo inteiro, de olho num mercado que tem apresentando números robustos.

Em 2019 as exportações brasileiras para os países árabes somaram pouco mais de 511 mil toneladas, um incremento de 5,7% em relação a 2018.

Já em faturamento, as vendas alcançaram US$ 1,7 bilhão. Os resultados que representaram cerca de 22,5% do faturamento e 27,7% do volume total das exportações brasileiras de carne bovina.

“A expectativa é de que o evento seja uma ótima oportunidade para estreitar relação com um mercado importante, com potencial de crescer ainda mais”, afirma Antônio Jorge Camardelli, presidente da Abiec.

A Gulfood conta com a participação de mais de 5 mil expositores, provenientes de 120 países e recebe cerca de 97 mil visitantes de 185 países.

Fonte: Portal DBO

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com