Morre o grande pecuarista e criador de Quarto de Milha

PARTILHAR

Wilson Pulzatto deixa grande legado à raça Quarto de Milha e para agropecuária brasileira; O pecuarista, homenageado no Hall da Fama da ABQM.

Faleceu no último domingo, 27 de junho, o empresário e pecuarista Wilson Pulzatto, aos 90 anos. Ele estava internado em São Paulo, SP, e morreu por complicações causadas pela Covid-19. Wilson deixa a esposa, Antônia, os filhos Ricardo, Lilian e Luiz, e netos.

Nascido em Birigui, no interior de São Paulo, Wilson Pulzatto se tornou uma referência na pecuária de corte, sendo pioneiro no cruzamento industrial em suas propriedades no Paraná e Mato Grosso do Sul. Wilson foi eleito por diversas vezes o melhor criador e expositor nacional da raça Simental; também foi criador das raças Nelore, Brahman e cavalos Quarto de Milha.

A Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha (ABQM) informa, com profundo pesar, o falecimento do quartista, empresário e pecuarista Wilson Pulzatto, aos 90 anos de idade, ocorrido no último domingo (27/06), na cidade de São Paulo (SP).

Pulzatto iniciou a sua criação de cavalos Quarto de Milha, na Fazenda Santa Fé, em Maringá (PR), no ano de 1977. Em 2018, o quartista foi homenageado no 8º Hall da Fama da ABQM, pela contribuição para o desenvolvimento e aprimoramento das aptidões da raça.

O criador, que fomentou bravamente os Esportes Equestres, também foi sócio-fundador da Sociedade Rural de Maringá e teve participação direta no desenvolvimento da agropecuária brasileira. Além de equinos, Wilson criou bovinos das raças Nelore, Brahman e Simental.

“É com pesar que comunicamos o falecimento de nosso associado número 619, Sr. Wilson Pulzatto, amigo, grande pecuarista e selecionador de Simental. Lamentamos o ocorrido e oferecemos nossos mais estimados préstimos aos familiares e amigos”, manifestou a Associação Brasileira dos Criadores das Raças Simental e Simbrasil (ABCRSS), em nota publicada em seu site.

Em nota de pesar, a Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep/Senar-PR) destacou que o produtor sempre participou ativamente do sistema sindical do Paraná.

Hall da Fama ABQM

“Perdemos um grande professor. Pulzatto teve participação direta no desenvolvimento da agropecuária da região Norte. Em sua trajetória, mesmo em algumas questões que tinha opinião divergente da Faep, sempre buscou trabalhar engajado na representação dos agricultores e pecuaristas do Paraná”, ressaltou o presidente do Sistema Faep/Senar-PR, Ágide Meneguette.

“O Sistema Faep/Senar-PR lamenta o falecimento de Pulzatto e deixa registrado as condolências à família e amigos e os agradecimentos pela sua contribuição ao desenvolvimento do setor rural do Paraná”, publicou a entidade.

A Cocamar Cooperativa Agroindustrial lamentou a perda do agropecuarista Wilson Pulzatto, um de seus antigos cooperados em atividade; com a ficha de cooperado de número 325, Pulzatto ingressou na cooperativa ainda na década de 1960, informou a Cocamar.

Em nota, a Associação Brasileira dos Criadores de Zebu lamentou a perda de mais um grande nome da pecuária nacional e se solidariza com os familiares e amigos de Wilson Pulzatto. Associado da ABCZ desde 2001, Wilson Pulzatto atuou também como Conselheiro da instituição nas gestões de 2004 a 2007 e, na sequência, de 2007 a 2010.

“Sem dúvida nenhuma estamos falando de uma grande perda para o nosso setor. O que nos conforta é saber que o legado deixado por ele continuará servindo como base para o desenvolvimento do nosso Zebu”, destaca Rivaldo Machado Borges Júnior, presidente da ABCZ.

Wilson nasceu em Birigui, no interior de São Paulo, e deixa a esposa, Antônia Pulzatto, filhos, Ricardo, Lilian e Luiz, e netos. A ABQM agradece por toda a sua dedicação à raça Quarto de Milha e incentivo aos Esportes Equestres e se solidariza com os familiares e amigos.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com