Mulher morre eletrocutada em sala de ordenha

Mulher morre eletrocutada em sala de ordenha

PARTILHAR
morte em sala de ordenha
Foto Divulgação.

Marido encontrou a esposa e chegou a levá-la para o hospital, onde o óbito foi constatado. Veja como foi o acidente na sala de ordenha!

Uma mulher morreu eletrocutada na noite de sexta-feira (17), por volta das 19h, na linha Candeias em Caibí/SC. Enquanto realizava a ordenha de vacas na propriedade, a  vítima de 61 anos, encostou em um fio desencapado e recebeu uma descarga elétrica.

Conforme o portal Oeste em Foco, a vítima foi identificada com Zélia Kraus Capelari. O marido foi quem encontrou a vítima. Ele teria saído do local, instante antes do ocorrido, e retornou procurar por ela, quando percebeu a demora da companheira.

O homem, ao encontrar a esposa caída, buscou ajuda e encaminhou a vítima ao Hospital, onde foi constatado o óbito. O Instituto Geral de Perícias (IGP) de São Miguel do Oeste foi acionado e encaminhou o corpo para Instituto Médico Legal (IML) de Chapecó.

O corpo da idosa foi encaminhado pelo Instituto Geral de Perícias ao Instituto Médico Legal de Chapecó, onde passou por exames e depois foi liberado para o velório.

É muito importante salientar que, principalmente, nesses locais é preciso realizar manutenções nas redes elétricas. Além disso, o cuidado com eletricidade deve ser levado em conta, já que as “gambiarras” podem causa um prejuízo gigantesco ao produtor.

As informações são do site ClicRDC.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com