Pecuarista tem prejuízo de R$ 200 mil com roubo de gado

Pecuarista tem prejuízo de R$ 200 mil com roubo de gado

PARTILHAR
gado nelore do iz
Imagem ilustrativa

Caso aconteceu em São Sebastião da Bela Vista (MG), onde, segundo pecuarista, os casos de abigeato se tornaram comuns com a valorização do boi gordo.

O feriado de 7 de setembro não foi uma data de comemoração em uma fazenda em São Sebastião da Bela Vista (MG). Bandidos montaram uma operação de guerra, na madrugada de domingo para segunda, e roubaram 52 animais da raça nelore, sendo 35 vacas, 16 bezerros e 1 touro registrado. Segundo o pecuarista, que pediu para não ser identificado, o prejuízo é estimado em R$ 200 mil.

O aumento no preço da arroba do boi gordo tem estimulado os crimes de abigeato (furto de animais) na região, de acordo com o pecuarista. “Tem furto de gado direto, muito mesmo. Por mês, levam em torno de 600 cabeças, além de tratores e equipamentos agrícolas”, afirma.

O criador conta que a polícia está investigando, mas o tamanho da área administrada dificulta o trabalho. “A gente se sente desprotegido. Você tem a propriedade, cria e trabalha, aí [criminosos] vêm e levam. E ninguém se prontifica a te apoiar, o Estado não está nem aí”, desabafa.

O crime

Conforme relato, foram abertas passagem nas cercas de divisa com uma propriedade vizinha e nas cercas dessa outra fazenda que davam para a rodovia.

E nem mesmo a ausência de um embarcador no curral da propriedade freou o ímpeto dos ladrões. Eles fabricaram um com madeira encontrada no local, uma manta trazida por eles e terra para cobrir o tecido. Além disso, o cavalo de uma outra propriedade da região foi usado para reunir o gado, sendo abandonado no local depois do crime.

Marcas de pneu de caminhão indicam que os criminosos seguiram rumo a São Paulo e o produtor desconfia que se tratem dos mesmos criminosos que furtaram a propriedade em 2018, porque as aberturas nas cercas foram feitas nos mesmos lugares. Na época, os bandidos levaram 60 animais, sendo que 40 foram recuperados pela polícia em Igaratá (SP).

Segundo roubo em uma semana

No dia 30 de outubro, uma propriedade em Pouso Alegre (MG) – a cerca de 35 quilômetros de São Sebastião da Bela Vista – também foi furtada. Criminosos levaram 60 cabeças de gado e, segundo o que indicam filmagens de rodovia, seguiram para São Paulo.

Fonte: Canal Rural

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com