Polícia matou ladrões de gado em confronto, veja!

Polícia matou ladrões de gado em confronto, veja!

PARTILHAR

Nesta manhã de terça-feira, 24, uma tentativa frustrada de roubo de gado resultou em mortes de ladrões. Eles tentavam furtar cerca de 100 cabeças de gado!

Equipes do Batalhão Rural, da Polícia Militar de Goiás, frustraram nesta terça-feira, 24, uma tentativa de roubo de gado, em Arenópolis. O grupo criminoso se preparava para levar 100 animais de uma propriedade rural do município quando foi descoberto pelos policiais. Um casal de idosos, de cerca de 80 anos, que estava sendo mantido como refém pelos suspeitos, foi resgatado pelos policiais.

Onda de violência, crime organizado, uso de tecnologias e grande coragem, fazem dos ladrões do campo uma praga que tem assolado o Brasil, de norte a sul. Felizmente, dessa vez a polícia conseguiu abater os meliantes e acabar com a tentativa de furto dos animais de uma propriedade rural. Confira abaixo a cara dos ladrões!

O fato foi no município de Arenópolis. Militares flagraram o roubo, havendo confronto com ladrões. Foram mortos Joaquim Moreira Soares (65 anos), Winglerson Lopes dos Santos (25 anos) e Bruno Moreira da Silva (22 anos). 

No confronto entre militares e ladrões, um dos membros da quadrilha conseguiu fugir, ao abandonar uma moto e adentrar em vegetação densa. Outro desdobramento do caso foi o ferimento em um dos policiais, mas sem nenhum risco para sua vida. 

A operação policial teve início quando vizinhos ligaram denunciando atividades suspeitas na fazenda. Segundo a denúncia, o gado estava sendo reunido, com a ajuda de uma lanterna, durante a madrugada. Para os vizinhos, se tratava de uma situação incomum. A partir das informações, os militares iniciaram diversas buscas pela região, a procura dos possíveis suspeitos. O trabalho durou toda a noite.

Já na manhã de terça-feira, as equipes visualizaram um veículo com três indivíduos, na cidade. Durante a abordagem policial, os suspeitos efetuaram disparos de arma de fogo contra os policiais, que revidaram. Os três foram atingidos e chegaram a ser socorridos no local, mas não resistiram. Um deles já possuía diversas passagens por furtos e roubos de gado.

As equipes continuaram realizando as diligências e chegaram até a propriedade. Na casa, os militares resgataram um casal de idosos, que tinha sido preso, como refém, pelos suspeitos. Aos policiais, o idoso informou que o grupo criminoso o obrigou a reunir o gado durante a noite.

Na propriedade, estavam ainda cinco caminhões, que fariam o transporte dos animais roubados. Além dos veículos e das cabeças de gado recuperadas, os militares apreenderam dois revólveres e uma pistola, usados pelos suspeitos durante a ação criminosa. O caso será agora investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Iporá.

O que eram furtos, feitos a noite, se tornaram roubos, inclusive, com violência. Neste caso do município de Arenópolis, quando a Polícia chegou teve que libertar morador que estava na condição de refém.

Casos de roubos de gado tem sido frequentes em municípios da região. Desta fez um policiamento especializado em operações rurais e que veio de Goiânia, atuou no caso, flagrando o roubo em curso.

Daqui a pouco, mais informações sobre o crime e a ação da polícia.

Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com