Porco de duas cabeças assusta moradores, veja!

Porco de duas cabeças assusta moradores, veja!

PARTILHAR
Foto Divulgação.

A cidade mexicana de Veracruz foi surpreendida nesse mês pelo nascimento de um porco mutante bizarro de duas cabeças. Veja as imagens!

A cidade mexicana de Veracruz foi surpreendida nesse mês pelo nascimento de um porco mutante bizarro de duas cabeças. A chegada do animal causou curiosidade e estranheza nas famílias da área rural do município, recebeu destaque nos noticiários do restante do país e chamou atenção até mesmo internacionalmente.

O porquinho nasceu no dia 21 desse mês, segundo Stephany de la Cruz Martínez, residente da região.

Infelizmente, a malformação do animal impediu que sua vida transcorresse de maneira normal. Seus donos afirmaram ao jornal argentino Crónica que o porco não conseguia ser alimentado pela mãe.

Mesmo com os esforços dos fazendeiros para que o porquinho tomasse leite separadamente de seus irmãos, o pequeno animal não resistiu e morreu apenas 3 dias após sua vinda ao mundo.

Outro caso parecido

Porco de duas cabeças assusta moradores de município no Paraná

O pequeno Chumbinho é um porquinho que mal nasceu e já virou celebridade. Ele veio ao mundo em uma propriedade rural no distrito de São João do Oeste, em Cascavel, nesta quinta-feira (07/9).

Anselmo Pires, dono da fazenda e de uma pequena criação de suínos está assustado com a situação. O produtor rural afirmou, ao jornal Catve.com, que nunca viu ou ouviu falar de uma história parecida. “Eu criei porcos a minha vida toda, mas nunca vi nada parecido. Também nunca ouvi falar. É muito curioso”, afirma Anselmo.

Ele, os amigos e os fãs do animal não acreditam que ele irá permanecer vivo por muito tempo, já que Chumbinho mal consegue se manter em pé por conta do peso excessivo da cabeça.

Um veterinário que cuida da produção de bovinos do sítio deve avaliar o porco nos próximos dias.


Todo o conteúdo áudio visual do CompreRural está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral, sua reprodução é permitida desde que citado a fonte e com aviso prévio através do e-mail jornalismo@comprerural.com